Earthquake

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Earthquake
Terramoto (PT)
Terremoto (BR)
 Estados Unidos
1974 • cor • 123 min 
Direção Mark Robson
Roteiro George Fox / Mario Puzo
Elenco Ava Gardner
Charlton Heston
George Kennedy
Lorne Greene
Género drama /ação / suspense
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Earthquake ('Terremoto' (título no Brasil) ou 'Terramoto' (título em Portugal)) é um filme norte-americano de 1974 dirigido por Mark Robson, co-autor do roteiro com Mario Puzo.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em Los Angeles, Stuart Graff, um conceituado engenheiro da construção civil, é pressionado pelo ciúme de Remy, sua possessiva esposa. Ele acaba se envolvendo com Denise Marshall , a viúva de um colega de trabalho, enquanto Remy tenta persuadir seu pai, Sam Royce, que é o patrão de Stuart, para fazê-lo usar sua influência e assim conseguir que seu marido deixe de se encontrar com Denise.

Sam dá para o genro uma grande promoção, mas Remy deixa escapar algo e ele percebe que está sendo subornado, sendo que isto só piora a situação. Lew Slade, um policial, é suspenso por não perseguir "dentro das normas" um motorista que atropelou e matou uma garotinha. Jody, gerente de uma mercearia, sonha ardentemente em possuir Rosa Amici sendo que seu desejo chega ao ponto dele perder a sanidade.

Miles Slade, junto com seu amigo Sal Amici, espera a oportunidade de alcançar a fama com sua moto. Um jovem sismologista, usando os ensinamentos de um especialista, prevê um tremor de ampla magnitude, mas ninguém lhe dá a devida atenção.

A vida destas pessoas e de todos os moradores de Los Angeles será tragicamente atingida pelo maior terremoto que a cidade já viu e, apesar de pequenos tremores prenunciarem a catástrofe, a população não pressente a tragédia que está para acontecer. Logo após o terremoto, as histórias começam a se cruzar.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 1975 (EUA)

  • Venceu na categoria de melhor mixagem de som (Ronald Pierce e Melvin M. Metcalfe Sr.)
  • Recebeu um prêmio especial pelos efeitos especiais (Frank Brendel, Glen Robinson e Albert Whitlock)
  • Indicado nas categorias de melhor direção de arte (Alexander Golitzen, E. Preston Ames e Frank R. McKelvy), melhor fotografia (Philip H. Lathrop) e melhor montagem (Dorothy Spencer).

BAFTA (Reino Unido)

  • Indicado na categoria de melhor som (Melvin M. Metcalfe Sr. e Ronald Pierce).

Globo de Ouro 1975 (EUA)

  • Indicado na categoria de melhor filme-drama e melhor trilha sonora original (John Williams)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]