Fagoterapia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Fagoterapia é o estudo dos bacteriófagos (fagos), que é um tipo de vírus que infecta as bactérias, e suas aplicações na cura das doenças.

A técnica consiste em inocular no paciente estes bacteriófagos (fagos), que acabam matando as bactérias causadoras de doenças. A fagoterapia caiu no esquecimento devido ao sucesso dos antibióticos e à falta de um meio de purificar os fagos. Segundo matéria da revista MegaCurioso, a vantagem desta técnica sobre os antibióticos é que, embora os antibióticos funcionem indiscriminadamente, matando tanto a bactérias causadoras de doenças quanto as saudáveis, cada tipo de bacteriófago é precisamente direcionado a um tipo muito específico de bactérias[1] .

A desvantagem é que, se um médico não sabe exatamente quais espécies de bactérias infectou um paciente, ele deve criar um coquetel de muitos tipos diferentes de bacteriófagos para garantir a eficácia[1] .

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b megacurioso.com.br/ Médicos soviéticos curavam infecções com vírus e a técnica pode voltar

Links Externos[editar | editar código-fonte]

  • Revista Super Interessante, Número 98, Junho 2006, pag 14, Edimprens