Giovanni della Casa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Giovanni della Casa (Mugello, 28 de junho de 1503 - ?, 14 de novembro de 1556) foi um literato e clérigo italiano.

Estudou em Bolonha e Roma, e por seu brilhantismo atraiu a proteção do papa Paulo III, que o fez núncio para Florença - onde foi eleito para a Academia - e depois para Nápoles, onde fez sucesso como orador. Foi elevado ao arcebispado de Benevento.

Sua obra poética liderou uma reação ao modelo petrarquiano, introduzindo um novo senso de nervosidade e majestade, embora com menor suavidade e elegância. Sua prosa granjeou-lhe fama em vida, que perdurou após sua morte, mas hoje parece padecer de um desejo excessivo de obter efeitos, além de mostrar em alguns pontos puerilidade e perda de foco.

Obras[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a), poeta ou poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.