Grande Lago Amargo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vários navios no lago.

O Grande Lago Amargo (em árabe: البحيرة المرة الكبرى; transliterado: al-Buhayrah al-Murra al-Kubra) é um lago salgado situado entre o sul e o norte do Canal de Suez. Junto situa-se o Pequeno Lago Amargo (árabe: البحيرة المرة الصغرى; transliterado: al-Buhayrah al-Murra as-Sughra). Antes da construção do canal, estes locais eram vales salgados e semi-secos.[1] No seu conjunto, os Lagos Amargos têm atualmente uma área de superfície próxima de 250 km². Para norte, o canal atravessa também o lago Manzala e o lago Timsah.

É formado pelos restos do antigo golfo Helisopolete, as águas do mar vermelho formavam uma baía e com a sedimentação acabou por fechar a baía e transformá-la no Lagos Amargos.

O nome Lagos Amargos deriva da antiga história egípcia; este local foi palco para história quando Moisés o atravessou com seu povo e posteriormente as águas de maré serviram de sepultura para quinze mil homens egípcios e duzentos carros de guerra que o atravessavam (enquanto seco). [2] e[3]

Referências

  1. Madl, Pierre (1999). Essay about the phenomenon of Lessepsian Migration, Colloquial Meeting of Marine Biology I, Salzburg, April 1999 (revised in Nov. 2001).
  2. O Canal de Suez ancruzeiros.pt. Visitado em 8 / dezembro / 2012.
  3. Inauguração do Canal de Suez batalhaosuez.com.br. Visitado em 8 / dezembro / 2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.