Hermann Esser

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hermann Esser
Nascimento 29 de Julho de 1900
Röhrmoos
Morte 7 de fevereiro de 1981 (80 anos)
Munique
Nacionalidade Alemanha alemão
Ocupação político
Filiação Partido Nazista

Hermann Esser (Röhrmoos, 29 de Julho de 1900Munique, 7 de Fevereiro de 1981) entrou no Partido Nazista com Adolf Hitler em 1920, e logo se tornou editor do jornal nazista, Völkischer Beobachter, e membro do Reichstag.[1]

Serviu na Primeira Guerra Mundial e por curto período foi social-democrata.

Foi o primeiro chefe de propaganda do nazismo. Após a falha do Putsch da Cervejaria, foi excluído do partido, com Julius Streicher. Mais tarde, foi admitido novamente por Adolf Hitler e se tornou peça influente para os nazistas. De 1939 até o fim da guerra, serviu como secretário de turismo.[1]

Referências

  1. a b Snyder 1998, p. 86-87

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Snyder, Louis L.. Encyclopedia of the Third Reich (em <Língua não reconhecida>). Ware, Hertfordshire: Wordsworth Editions, 1998. 410 pp. ISBN 1-85326-684-1.
Ícone de esboço Este artigo sobre Nazismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.