Histórias de Cronópios e de Famas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
História de cronópios e de famas
Autor (es) Julio Cortázar
Idioma espanhol
País  Argentina
Género romance
Lançamento 1962


História de cronópios e de famas, o sexto livro de Julio Cortázar, foi escrito em Roma e em Paris, no período de 1952 a 1959, e publicado em 1962, um ano antes de O jogo da amarelinha.

A história do livro dá vida à tres tipos de personagens: os cronópios, que são os personagens que não atribuem importância exagerada às coisas; os famas, que são totalmente o contrário dos cronópios; e as esperanças, que são as preguiçosas, desanimadas e sedentárias.

Personagens[editar | editar código-fonte]