Instituto Vasco da Gama

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Instituto Vasco da Gama de Goa, hoje Instituto Menezes Bragança, foi fundado em 1871 por iniciativa de Tomás António Ribeiro Ferreira, mais conhecido por Tomás Ribeiro, com o objectivo de fomentar e apoiar as ciências e as letras lusófonas em Goa. O Instituto Vasco da Gama promoveu a fase áurea da literatura indo-portuguesa, nas áreas do ensaio, do texto de intervenção jornalística, na historiografia e na poesia[1] [2] . A instituição recebeu da administração portuguesa um edifício para instalação da sua sede[3] e o apoio financeiro necessário à publicação do Boletim do Instituto Vasco da Gama, um periódico mensal. Depois de um período de apagamento, o Instituto foi reestruturado em 1924 e em 1963, após a incorporação de Goa na União Indiana, alterou o seu nome para Instituto Menezes Bragança, em homenagem a Luís de Menezes Bragança, jornalista e um dos pioneiros do anti-colonialismo goês. A partir de Março de 1925 o Instituto Vasco da Gama anexou a Biblioteca Pública de Goa[4] .

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Notas