Leiomioma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Leiomioma
Lipoleiomioma uterino, um tipo de leiomioma. Coloração H&E.
Classificação e recursos externos
CID-10 D21, D25
CID-9 218
MeSH D007889
Star of life caution.svg Aviso médico

Um leiomioma é uma neoplasia benigna do músculo liso que inicialmente não é maligno (como um câncer). Ela pode ocorrer em qualquer órgão, mas suas formas mais comuns ocorrem no útero, intestino delgado e esôfago.

Leiomioma do útero[editar | editar código-fonte]

Leiomioma do útero são tumores benignos muito comuns, afetando 6,6% das mulheres por ano e de 20% a 40% das mulheres os desenvolvem em algum momento da vida, e se desenvolvem na parede muscular do útero (miométrio). Variam muito em tamanho, sendo que quanto maiores piores são os sintomas. Em alguns casos crescem tanto que podem fazer a mulher parecer grávida de quatro meses. Costumam crescer durante a gravidez e seus sintomas incluem dor e sangramento intenso.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências