Núcleo de Artes Visuais de Caxias do Sul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Núcleo de Artes Visuais de Caxias do Sul (NAVI) é uma associação autônoma de artistas plásticos, funcionando na cidade de Caxias do Sul, Brasil.

Foi fundado em 30 de novembro de 1988 por um grupo de artistas locais que buscavam a criação de meios de estímulo à produção artística na cidade e da região. A idéia nasceu quando o antigo Atelier Livre da Universidade de Caxias do Sul (UCS), que funcionava no centro da cidade, teve de se transferir para o então recém-criado campus universitário, considerado distante demais do centro. Inconformados, parte dos artistas freqüentadores do Atelier, desejando manter-se próximo do coração ativo da comunidade e preservar o modelo de atuação do Atelier, decidiu, com a colaboração de representantes do governo municipal, empresários e outros interessados, criar uma nova associação de arte, mantendo porém neste início vínculos estreitos com a UCS.

A primeira Diretora foi Diana Domingues, que também coordenava o Atelier. Mais tarde o Atelier veio a ser extinto, mas o NAVI prosseguiu em sua trajetória, com importância crescente na comunidade e região. Dispõe de uma sede própria na rua Ettore Pezzi s/nº, com oficinas para criação e estudo nas múltiplas expressões das artes plásticas, como a pintura, escultura, fotografia e gravura, e oferece regularmente cursos teóricos e práticos para seus membros e outros interessados. Também já realizou inúmeras exposições em sua sede e em outros locais, e com freqüência traz a Caxias do Sul críticos, curadores, filósofos e artistas de relevo no Brasil, tais como Paulo Herkenhoff, Armindo Trevisan, Renina Katz e Maria Tomaselli Cirne Lima, a fim de darem palestras, cursos e seminários.

É uma das entidades artísticas mais ativas e respeitadas em Caxias do Sul desde a sua fundação, preocupando-se não apenas com os aspectos de criação e estudo da arte contemporânea, mas também apoiando ou intervindo diretamente em ações relacionadas ao patrimônio histórico e artístico local.

Dentre suas iniciativas mais destacadas estão o projeto de restauração do mural de Aldo Locatelli no prédio da Prefeitura que havia sido danificado por um incêndio, o projeto Gravura para Todos, o Projeto Percurso - Pintura e o Projeto Navi - Uma História, todos com o apoio das Leis de Incentivo à Cultura do município. Tem ou teve representantes em diversos órgãos culturais, como o Conselho Municipal de Cultura, o Instituto Estadual de Artes Visuais, o Conselho Municipal da Lei de Incentivo à Cultura (COMIC) e o Conselho da Cidade das Artes na Universidade de Caxias do Sul.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • NAVI. Catálogo comemorativo dos 15 anos do Núcleo. Caxias do Sul: NAVI / Prefeitura Municipal, 2006.