Nielo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Díptico parisiense em prata e nielo, representando a Natividade e a Adoração. c.1500.
Nigelagem sobre Cristo na Cruz. Minden, Alemanha.

Nielo ou nigela é uma liga metálica de cor negra composta por enxofre, cobre, prata e por vezes chumbo, usada como preenchimento de linhas de contorno em peças de ourivesaria. Na superfície de metal são gravadas incisões com recurso a um buril, que são depois preenchidas com o nielo. À técnica dá-se o nome de nigelagem e ao artífice nigelador. O termo deriva do latim nigellum. A origem da decoração em nielo é atribuída aos Egípcios, mas foi desenvolvida na Idade Média, encontrando-se em uso até aos dias de hoje.[1]


Referências

  1. Naturalis Historia de Caius Plinius Secundus (23-79 ap. J.-C.) livre XXXIII, 131

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Vgl. Duchesne, Essai sur les nielles, gravures des orfèvres florentins du XV siècle (Paris 1826).
  • Alessandro Pacini, Le Niello in Studi ed esperimenti su preziosi policromi antichi, Madonna della Quercia, Montepulciano, 2004.
  • Eraclio, De coloribus et de artibus romanorum, Istituto Italiano per gli Studi Storici, Naples, 1996.
  • Benvenuto Cellini, I Trattati dell'oreficeria e della scultura, Paoletti, Florence, 1994.
  • François Schweizer, Nielle byzantin, in Outils et ateliers d'orfevres des temps anciens, Société Des Amis du Musée National de Saint Germain-en-Laye, 1993.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]