Ogonyok

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ogonyok (russo: Огонёк) é uma das mais antigas revistas semanais ilustradas russas, editada desde 21 de dezembro de 1899.

Foi re-estabelecida na União Soviética em 1923 por Mikhail Koltsov. O nome em russo significa "Chama".

A revista atingiu o auge de sua popularidade nos anos da Perestroika, quando seu editor-chefe Vitaly Korotich "passou a adotar uma posição pró-americana e pró-capitalista".[1] Nesses anos os temas principais são a publicação por partes de livros como o Zhena Prezidenta (A esposa do presidente) de Lev Razgon,[2] e Small Fires: Letters From the Soviet People to Ogonyok Magazine 1987-1990 (Summit Books, NY, 1990) selecionados e editados por Christopher Cerf, Marina Albee, e com uma introdução por Korotich.

No início de 1990, Ogoniok foi adquirido por Boris Berezovsky, e sua popularidade começou a diminuir. Viktor Loshak, o ex-editor de Moskovskiye Novosti, assumiu o cargo de editor em 2003. No auge da crise financeira russa de 2008-2009, a publicação foi suspensa devido a uma mudança dos proprietarios.[3]

Depois de um intervalo de quatro meses, a publicação de Ogoniok foi retomada em 18 de maio de 2009, pela Kommersant Publishing Group. A primeira edição publicada pelo Kommersant é a de 5079.[4]

Referências

  1. David M. Kotz, Fred Weir (1997). "Chapter 4: Glasnost and the intelligentsia". Revolution from Above: The Demise of the Soviet System. London: Routledge. p. 65. ISBN 0-415-14316-0
  2. Писатели России. Автобиографии современников. Москва: Журналистское агентство «Гласность», 1998. 386–390 pp.
  3. Telen, Lyudmila (February 25, 2009). "Закроется ли "Огонек"?". Radio Free Europe/Radio Liberty. Retrieved 2009-12-01.
  4. Перерыв на обет (em russian) Ogoniok, no. 1 (5079), May 18, 2009. Visitado em 2009-05-19.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Ogonyok


Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.