Passivo a descoberto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Passivo a Descoberto é o termo contábil que denota-se quando o valor da soma de bens e direitos não cobre o valor da soma das obrigações contraídas, ou seja, o Passivo (P) supera o Ativo (A). Sendo P > A, na equação contábil PL (Patrimônio Líquido) = A - P, conclui-se que PL < 0. Quando este caso ocorrer, no Balanço Patrimonial a rubrica Patrimônio Líquido será substituída por Passivo a Descoberto.

Sendo assim, o lucro acumulado muda de lado. Se isso ocorrer a empresa pode vender todo o seu ativo incluindo o passivo descoberto (P.L.) e ainda assim não pagará as suas Obrigações.

== Ligações externas ==

As Demonstrações Contábeis encerradas a partir de 02.06.2010, não deverão mais utilizar a nomenclatura de Passivo a Descoberto quando o Patrimônio Líquido se tornar negativo, pois a Resolução do CFC 1.283/2010 revogou diversos dispositivos anteriores, dentre eles as Resoluções CFC 847/1999 e 1049/2005.

Veja resolução: http://www.cfc.org.br/sisweb/sre/detalhes_sre.aspx?Codigo=2010/001283