Relicto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Relicto é uma espécie animal ou vegetal encontrada em certas áreas ou habitat isolados, remanescente de fauna ou flora outrora amplamente distribuída. Em outras palavras, é um organismo que em eras passadas foi abundante em um território amplo e que agora encontra-se apenas em pequenas áreas deste território[1] . Na definição de Aziz Ab'Saber, o conceito se aplica a qualquer espécie "encontrada em uma localidade específica e circundada por vários trechos de outro ecossistema"[2] .

Referências

  1. PAULA, Patrícia Fernandes; FERREIRA, Maria Eugênia M. C. [http://www.dge.uem.br/gavich/downloads/semana07/ARTIGOS/eixo_2_geografia_fisica/14.pdf. Conceito de refúgio e relicto e os cerrados relictuais do Brasil]. I Encontro Regional de Geografia Aplicada à Gestão da Saúde. Departamento de Geografia/UEM - DGE
  2. SILVA, Márcio Luiz.[http://www.revista.ufpe.br/rbgfe/index.php/revista/article/viewFile/79/149 A Dinâmica de Expansão e Retração de Cerrados e Caatingas no Período Quaternário: Uma Análise Segundo a Perspectiva da Teoria dos Refúgios e Redutos Florestais]. Revista Brasileira de Geografia Física 01 (2011) 057-073
Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.