Religador

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde setembro de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Religador é um dispositivo utilizado em sistemas elétricos com a função de protegê-los contra problemas transitórios. Religadores são geralmente aplicados em linhas aéreas de transmissão e de distribuição de energia, buscando reduzir o tempo de interrupção de fornecimento de energia no casos de problemas não permanentes.

Ao detectar algum defeito (normalmente uma sobrecarga provocada por curto circuito) o religador realiza um ciclo pré-programado de aberturas e fechamentos até o desaparecimento do defeito ou até se considerar que o defeito é permanente. No caso de defeito permanente, o religador ficará aberto para proteger o sistema elétrico, até que seja rearmado manualmente após a solução do problema que causou a atuação do religador.

Este tipo de atuação parte do princípio de que, no caso de linhas aéreas de distribuição ou transmissão, a maioria dos defeitos são transitórios, provocados por toques de partes de plantas nas linhas, induzidas por rajadas de vento. ou por materiais sendo levados pelo vento. Assim sendo, o desligamento e posterior religamento (após um tempo necessário para a extinção do arco elétrico ou para a remoção natural dos materiais que provocaram o curto-circuito) são suficientes para evitar grandes problemas no sistema elétrico, e se reduz drasticamente a indisponibilidade de energia para os consumidores ligados à linha em questão.

Ícone de esboço Este artigo sobre Eletricidade é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.