Synanceia verrucosa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaSynanceia verrucosa
Stone Fish at AQWA SMC2006.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Scorpaeniformes
Família: Synanceiidae
Género: Synanceia
Espécie: Synanceia verrucosa
Nome binomial
Synanceia verrucosa
Bloch e Schneider, 1801

Synanceia verrucosa é um peixe da família Synanceiidae. Confundidos facilmente com pedras ou corais, eles sobrevivem até um dia fora d'água. É o animal mais venenoso conhecido atualmente, pois a sua mordida pode ser fatal para os seres humanos. Pode ser encontrado no Oceano Pacífico e Índico e mede entre 30 e 60 centímetros. A sua alimentação consiste em pequenos peixes e crustáceos. A sua cor esverdeada torna-o particularmente difícil de ser visto pelas pessoas, o que faz com que muitas pessoas os pisem acidentalmente. Estes peixes podem habitar também praias rochosas e lagoas com fundos de pedras. Trata-se de um peixe que é solitário e territorialista e costuma permanecer quieto, sem se mexer, o que permite que as suas presas se aproximem e não os vejam. Se uma pessoa pisar um peixe pedra, o que acontece várias vezes, o seu veneno causa dor intensa e intratável, pois nem a morfina consegue aliviar a dor. A pessoa é forçada a aguentar uma dor insuportável durante várias horas. Há mesmo relatos de pessoas que depois de pisarem em um peixe pedra, chegam a pedir aos médicos que amputem o membro infectado com o veneno, pois não há nada que alivie a dor provocada pelo seu veneno. A sua picada pode ser fatal para as crianças e pessoas idosas se não houver cuidados médicos.

[1] .

Referências

Prague sea aquarium
Ícone de esboço Este artigo sobre peixes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.