Vasco de Ataíde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vasco de Ataíde
Nacionalidade Portugal Português
Ocupação Navegador

Vasco de Ataíde (ou de Taide) foi um marinheiro português que comandou um dos navios da expedição de Pedro Álvares Cabral na descoberta do Brasil.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filho natural de D. Pedro de Ataíde, Abade de Penalva, o qual era filho bastardo de D. Álvaro Gonçalves de Ataíde, 1.º Conde de Atouguia.[2] Era irmão doutro navegador, D. Pero de Ataíde.

Sabe-se muito pouco sobre ele e permanece controverso o seu destino. Alguns historiadores consideram que seu navio, entre os que compunha a esquadra de Pedro Alvares Cabral foi um dos quatro naufragados na tempestade de 24 de maio de 1500, quando haviam deixado a costa brasileira e rumavam para a Índia.

Diz Caminha: "Na noite seguinte segunda-feira, ao amanhecer, se perdeu da frota Vasco de Ataíde com sua nau, sem haver vento forte nem contrário para que tal acontecesse. Fez o capitão suas diligências para o achar, a uma e outra parte, mas não apareceu mais". Ora, a noite a que Caminha se refere é a de 23 de março de 1500, um dia depois da esquadra ter passado pelas ilhas de Cabo Verde. Assim, Vasco de Ataíde nem teria chegado ao Brasil.


Referências

  1. Francisco Adolfo de Varnhagen - História Geral do Brasil - 7a edição -Tomo 1 - pagina 77
  2. Antropónimos, Pedro de Ataíde. Visitado em 13 de Janeiro de 2015.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre História de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.