Whistle register

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.


Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde Janeiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Whistle register, chamado também de registro de apito, "super voz de cabeça" ou registro de silvo, é o registro mais agudo da voz humana, chegando a ser imperceptível ao ouvido humano em alguns casos, o famoso "apito de cachorro". Ganhou destaque no mercado popular da música em 1970, com a cantora Minnie Riperton e mais ainda em 1991 com Mariah Carey. Muitos cantores fazem seu uso, não deixando de lado as boas e agudas notas que lhe compõe. Um exemplo de parecência com o whistle seriam as notas excelsas de Yma Sumac, que produziu (gravado) C7, C#7 e Bb7 em pura voz de cabeça.

Fisiologia e definição[editar | editar código-fonte]

A fisiologia do whistle register é a menos conhecida dentre os registros vocais. Ele é o registro mais agudo da voz humana e na maioria das vezes começa no Bb5 dos sopranos, ficando acima do registro do falsete e do registro normal, se estendendo até o F7. Contudo, não existe uma regra sobre onde o whistle começa, pois isso varia de acordo com cada pessoa podendo começar até mesmo no G5. Nem todo som na 7ª oitava é whistle , como por exemplo os usados pelos grandes sopranos da ópera como Mado Robin e Ingeborg Hallstein, que atingiam o Bb e o B6 em pura voz de cabeça. Um exemplo originalíssimo de "whistler'' é Minnie Riperton, que iniciava seu whistle no Bb5, longo e doce, se estendendo ao F#7.

Melhores whistles[editar | editar código-fonte]

É mais fácil de sair de uma mulher do que de um homem, pois a mulher tem a garganta mais aberta, assim como as crianças. Entretanto, há homens na lista de melhores whistles já executados na história, como Vitas Bumac. Em primeiríssimo lugar, ninguém mais, ninguém menos que a recordista mundial em extensão vocal, a brasileira Georgia Brown, com um incrível G10. Em segundo lugar a cantora e compositora norte americana Mariah Carey, com seu G#7. Em terceiro lugar o recordista mundial masculino Adam Lopez com um Eb8. Muitos outros cantores também executam essas notas altas, variando muito do cantor como o seguinte:

A sétima oitava[editar | editar código-fonte]

É a oitava mais aguda do piano, usando o C central do piano como guia (C3), dos barítonos. O próximo high C é o do tenor (C4 / C5), depois o C6 dos sopranos, o próximo, C7, em que começa a 7ª oitava e está 8 notas distante da ultima nota do piano, o C8. É mais facil para sopranos muito agudos atingirem o C7, mas alguns cantores e cantoras como Georgia Brown e James Brown, que cantam na extensão dos baixos, conseguem superar essa marca facilmente. Enquanto as notas na 6ª oitava tem textura suficiente para soarem como uma flauta, as incríveis notas na sétima oitava tem qualidade penetrante e soam como um "apito" bem alto, principalmente nas notas de D7 para C8.

Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.