Andriy Nesmachnyi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Andriy Nesmachniy
Andriy Nesmachniy
Informações pessoais
Nome completo Andriy Mykolayovych Nesmachniy
Data de nasc. 28 de fevereiro de 1979 (40 anos)
Local de nasc. Briansk, RSFS da Rússia, União Soviética
Nacionalidade ucraniano
Altura 1,82 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Lateral-esquerdo
Clubes de juventude
Tavriya Simferopol
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1997–1999
1997–2004
1997–2011
Dínamo-3
Dínamo-2
Dínamo de Kiev
30 (4)
56 (3)
226 (11)
Seleção nacional
2000–2009 Ucrânia 67 (0)

Andriy Mykolayovych Nesmachnyi - em ucraniano, Андрій Миколайович Несмачний (Briansk, 28 de fevereiro de 1979) é um ex-futebolista ucraniano que atuava como lateral-esquerdo.

Nos tempos de União Soviética, seu nome fora russificado para Andrey Nikolayevich Nesmachnyy (Андрей Николаевич Несмачный).

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nesmachnyi começou a jogar futebol aos 14 anos de idade, na Escola de Desportos Olímpicos de Simferopol, na Crimeia, ingressando nas categorias de base do Tavriya, o principal clube de futebol da cidade. Três anos depois, chegou ao Dínamo de Kiev, onde jogou toda sua carreira profissional, iniciada em 1997, no Dínamo-3. No mesmo ano, foi integrado ao elenco principal pelo lendário treinador Valeriy Lobanovskiy. Defendeu ainda o Dínamo-2 até 2004, quando se firmou como titular.

Em 2007, Nesmachnyi foi alvo de uma possível transferência para o Blackburn Rovers. Mark Hughes, então treinador da equipe inglesa, confirmou o seu interesse no lateral-esquerdo, dizendo que ele tinha "uma grande experiência internacional". No entanto, o jogador recusou a proposta do Blackburn[1] e permaneceria no Dínamo até sua aposentadoria, em 2011.[2]

Carreira pela seleção[editar | editar código-fonte]

Seu primeiro jogo pela seleção principal da Ucrânia foi em abril de 2000, em uma vitória por 1 a 0 sobre a Bulgária. Depois disso, participou das campanhas mal-sucedidas nas eliminatórias para o Mundial de 2002 (quando perdeu a vaga na repescagem para a Alemanha) e para a Eurocopa de 2004.

No Mundial da Alemanha, o lateral foi titular absoluto da seleção e comandou a defesa da equipe, que terminaria sendo eliminada após perder de 3 a 0 da futura campeã Itália. Nesmachniy chegou a anunciar sua aposentadoria internacional em 2007, porém voltou atrás na decisão e jogou ainda as eliminatórias da Eurocopa de 2008, onde a Ucrânia não conseguiu a vaga. O último jogo do lateral foi contra a Eslováquia, em fevereiro de 2009.[3] No total, foram 69 partidas realizadas.

Curiosidade[editar | editar código-fonte]

Durante a Copa de 2006, Nesmachniy não cantava o hino nacional, nem colocava a mão sobre seu peito durante a execução. Em entrevista, o jogador afirmou que seus pais e ele eram testemunhas de Jeová havia muito tempo, e a religião não permite adoração de nenhum objeto.[4]

Links[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Nesmachniy trains with Blackburn». bbc.co.uk/football. 20 de dezembro de 2006. Consultado em 20 de dezembro de 2006 
  2. Profile on official website of Dynamo Kyiv Arquivado em 31 de dezembro de 2008 no Wayback Machine. (em ucraniano)
  3. Андрій Несмачний: "Зосереджуся на виступах за клуб" Arquivado em 24 de março de 2009 no Wayback Machine. – Official Dynamo Kyiv website (em ucraniano)
  4. Футбол. Несмачний розповів, чому не співає гімн України Arquivado em 4 de março de 2016, no Wayback Machine. – champion.com.ua (ucraniano) 25–02–07