Ansar al-Sharia (Líbia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ansar al-Sharia Libya
كتيبة أنصار الشريعة
Logo do Ansar al-Sharia
País Líbia
Criação 2011–presente[1]
História
Guerras/batalhas Guerra Civil Líbia
Comando
Comandante Muhammad al-Zahawi

A Ansar al-Sharia (inglês: Partidários de Sharia ou Defensores da Xária[2]) é uma milícia islâmica que defende a implementação estrita da lei islâmica em toda a Líbia, ela surgiu durante a turbulenta Guerra Civil da Líbia. Diversas fontes identificaram-na como uma organização terrorista por ter, deliberadamente, alvejado tanto civis líbios como estrangeiros, além de ter participado do assalto ao consulado estado-unidense em Benghazi no ano de 2012.[3]

O logotipo da Ansar al-Sharia é um par de fuzis de assalto AK-47, um punho fechado com um dedo apontado para cima, um Corão aberto e uma bandeira negra.[4]

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Ansar al-Sharia foi formada durante a Guerra Civil Líbia e ganhou destaque após a morte de Muammar Gaddafi. Formada por ex-rebeldes de diversas brigadas, a milícia salafista inicialmente fez seu nome ao postar vídeos de si mesmos na Batalha de Sirte.[5]

Sua primeira aparição pública ocorreu em 7 de junho de 2012, quando liderou um comício com aproximadamente 200 pickups montadas com artilharia[6] na Praça Tahrir em Benghazi, exigindo a imposição de Charia no país.[7]

Referências

  1. «Libya militia linked to U.S. attack returns to Benghazi». Reuters. 17 fevereiro 2013. Consultado em 10 de janeiro 2014 
  2. Correia, Paulo (Primavera de 2015). «Designações de entidades ligadas à Alcaida» (PDF). a folha — Boletim da língua portuguesa nas instituições europeias. ISSN 1830-7809 
  3. «US charges Libyan with role in deadly attack on Benghazi consulate». NBC News. 6 de agosto de 2013. Consultado em 10 de janeiro de 2014 
  4. «What is Ansar al Sharia, and was it behind the consulate attack in Benghazi?». CNN. 16 November 2012. Consultado em 10 January 2014  Verifique data em: |access-date=, |date= (ajuda)
  5. «Who are Libya's Ansar al-Sharia?». France24. 14 September 2012. Consultado em 10 January 2014  Verifique data em: |access-date=, |date= (ajuda)
  6. Kilpatrick, David (29 December 2013). «Deadly Mix, Chapter 1, A Rising Militia Leader». New York Times. Consultado em 10 January 2014  Verifique data em: |access-date=, |date= (ajuda)
  7. «Benghazi Islamist rally angers locals». Libya Herald. 9 de Junho de 2012. Consultado em 10 January 2014  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.