Aquavita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Uma garrafa de "O.P. Anderson", uma aquavita sueca

Aquavita ( /ˈɑːkwəvt,_ʔvəʔ/) é um destilado produzido principalmente na Escandinávia, onde tem sido produzido desde o século XV.[1] A aquavita é destilada de grãos ou batatas e é aromatizado com uma variedade de ervas. Também é popular no norte da Alemanha.[2]

A aquavita obtém seu sabor distinto de especiarias e ervas, e o sabor dominante deve (de acordo com a União Europeia) vir de um destilado de alcaravia e/ou sementes de endro. Normalmente contém 40% de álcool por volume ou 80 de prova (EUA). A UE estabeleceu um mínimo de 37,5% ABV para que a aquavita seja nomeada como tal.[3]

Referências

  1. Lichine, Alexis. Alexis Lichine’s New Encyclopedia of Wines & Spirits (New York: Alfred A. Knopf, 1987), pp. 80–81. ISBN 0394562623
  2. Marsteller, Amanda. «10 Fascinating Things You Didn't Know About Aquavit». Food & Wine. Consultado em 10 de setembro de 2021 
  3. EU spirits regulation (PDF) Regulation (EC) No 110/2008 of the European Parliament and of the Council of 15 January 2008 on the definition, description, presentation, labelling and the protection of geographical indications of spirit drinks and repealing Council Regulation (EEC) No 1576/89, Appendix II No. 24, Retrieved 2014-02-09.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Aquavita