Austro-Costa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Austro-Costa
Nome completo Austriclínio Ferreira Quirino
Nascimento 6 de maio de 1899
Limoeiro
Morte 29 de outubro de 1953 (54 anos)
Recife
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Ocupação Jornalista e poeta
Principais trabalhos Vida e sonho (1945)
Prémios Prêmio Literário Othon Bezerra de Mello (1945)

Austriclínio Ferreira Quirino, mais conhecido pelo pseudônimo Austro-Costa (Limoeiro, 6 de maio de 1899Recife, 29 de outubro de 1953) foi um jornalista e poeta brasileiro.

Publicou seu primeiro poema, O empata, em sua cidade-natal.

Na imprensa recifense do início do século XX, onde aportou com 17 anos, atuou como revisor, repórter, cronista, publicando também seus poemas.

Teve morte acidental. O ônibus no qual viajava bateu num poste, e Austro-Costa, viajando em pé, foi lançado fora, sofrendo fratura de base do crânio, com morte imediata.

Atividades como jornalista[editar | editar código-fonte]

Austro-Costa atuou nos seguintes órgãos recifenses:

Livros publicados[editar | editar código-fonte]

  • Mulheres e rosas, 1922
  • Vida e sonho , 1945

Prêmio[editar | editar código-fonte]

Entidade literária[editar | editar código-fonte]

Outras atividades[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • PARAÍSO, ROSTAND. Academia Pernambucana de Letras - Sua história. Recife:APL, 2006. Vol. 1.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]