Bernardo Couto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. (desde julho de 2018) Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Bernardo Couto (Lisboa, 19 de Dezembro de 1979) é um guitarrista de fado português.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Couto começou a tocar guitarra portuguesa aos 14 anos tendo como mestre o guitarrista Carlos Gonçalves. Mais tarde teve como mestres os guitarristas Paulo Parreira, Ricardo Rocha e Pedro Caldeira Cabral.

Licenciou-se em Direito,estudou no Conservatório de música e a partir de 2004 começa a tocar na casa de fado "Mesa de Frades" Desde aí já acompanhou inúmeros fadistas tais como António Zambujo, Camané, Cristina Branco,Carminho Ana Moura e Raquel Tavares, tendo tocado em países como Espanha, França, Holanda, Dinamarca, Chile, Argentina, Hong Kong, etc.

Faz também parte do trio LST -Lisboa String Trio - conjuntamente com o guitarrista José Peixoto e o contrabaixista Carlos Barretto

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.