Bosão da Provença

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bosão da Provença
Rei da Provença
Fragmento de um afresco existente na Abadia de Saint-Fortuné de Charlieu, representando Bosão da Provença e Santo Estêvão.
Nome completo
Bosão da Provença
Nascimento 844
Morte 11 de janeiro de 887 (43 anos)
Pai Bivín de Viena
Mãe Riquilda de Arles


Território de Bosão em 881.

Bosão da Provença ou também Bosão V da Provença (844 - 11 de janeiro de 887) foi um nobre franco com origem na dinastia bosônida, que estava profundamente relacionada com a Dinastia carolíngia[1], facto fundamental para a subida de Bosão ao Trono da Provença, estando este no trono entre 879 e 887.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Bosão foi filho de Bivín de Viena, conde de Lotaríngia, facto que fazia de Teutberga de Valois sua tia, sendo este esposa de Lotário II da Lotaríngia, rei da Lotaríngia.

Por outro lado Bosão era também sobrinho do conde italiano de Boso, facto que esteve relacionado com a atribuição do seu próprio nome pelos pais. Além de sobrinho do conde Boso, era também sobrinho de Hucbert Saint Maurice d'Augane, sendo este abade da Abadia de São Maurício, e quem viria a suceder no governo da abadia no ano de 869.

Bosão da Provença foi ancestral de três linhagens de sucesso conhecidos como Bosónidas pelos historiadores. Através de seu casamento com Ermengarda da Provença teve duas filhas: Ermangarda da Provença, (com o mesmo nome da mãe) e que foi casada com o conde de Chalon e Angilberga da Provença, se casou como primeira esposa com Carlomano II e mais tarde com Guilherme I da Aquitânia "o Piedoso" Conde de Auvérnia.

Relações familiares[editar | editar código-fonte]

Foi filho de Bivín de Viena (822 - 877) [2] e de Riquilda de Arles, filha de Bosão de Valois (c. 800 - 855) "o Velho", conde de Valois e de Engeltrude. Casou com Ermangarda da Provença (852 - 22 de junho de 896) filha de Luís II da Germânia "o Jovem" (c. 825 - 875), Sacro Imperador Romano-Germânico e de Engelberga de Espoleto, de quem teve:

  1. Guila de Borgonha (dezembro de 873 - ?), rainha do Alto Borgonha, casada com Rodolfo I da Borgonha Transjurana [3] (ca. Borgonha, França 859Juran, Borgonha, França 25 de outubro de 912) foi o 1º rei da Borgonha Transjurana de 888 até sua morte.
  2. Luís III, o Cego (880 - 5 de junho de 928)[4] rei da Provença e Imperador do Sacro Império Romano-Germânico e do Ocidente. Foi casado por duas vezes, a 1ª com Ana de Constantinopla também conhecida como Ana da Macedónia (885 - 912)[5], filha do Imperador Leão VI, o Sábio (19 de setembro de 866 - 11 de maio de 912) e de Zoé Zautsina (870 - 899), filha de Estiliano Zautzes. O 2ª casamento foi com Adelaide da Borgonha[6], filha de Rodolfo I da Borgonha e de Vila I da Borgonha.
  3. Ermangarda da Provença (c. 870 - 917) casada com Manassés da Borgonha (c. 870 - 918) "o Velho", Conde da Borgonha e conde de Chalôn.
  4. Angilberga da Provença casada com Guilherme I da Aquitânia "o Piedoso" (22 de março de 875 - Brioude, 6 de Julho de 918)[7]

Referências

  1. His mother's father, Boso, provided a daughter, Tetburgis/Teutberga, Boso's aunt, to be wife of Lothair II. (Constance B. Bouchard, "The Bosonids or Rising to Power in the Late Carolingian Age" French Historical Studies 15.3 (Spring 1988, pp. 407-431) genealogical table, p.409..
  2. Genealogias da Provença
  3. Rodolphe I a Fondation pour la généalogie médiévale
  4. Généalogie de Louis III roi de Provence et d'Italie sur le site FMG
  5. Christian Settipani, Continuidade das elites em Bizâncio durante a Idade das Trevas. Caucasianos e os príncipes do Império vi ª a ix ª século, Paris, de Boccard, 2006, 634 p. ( ISBN 978-2-7018-0226-8 ), p. 308
  6. Adelaide da Borgonha
  7. J.-Henri Pignot - História da Ordem de Cluny, desde a fundação da abadia até que a morte de Pedro, o Venerável - Volume 1 - página 1868, 57 - Paris / Autun


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Bosão da Provença