Camila Vallejo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Camila Vallejo
Deputada do Chile Chile
(pelo distrito de La FloridaBandera de La Florida (Chile).svg)
Período 11 de março de 2014
à atualidade
Antecessor Carlos Montes Cisternas
Presidenta da Federação dos Estudantes da Universidade do Chile
Período 24 de novembro de 2010
a 16 de novembro de 2011
Vice-presidente Francisco Figueroa Cerda
Antecessor Julio Sarmiento
Sucessor Gabriel Boric
Vice-presidenta da Federação dos Estudantes da Universidade do Chile
Período 19 de dezembro de 2011
28 de novembro de 2012
Antecessor Francisco Figueroa Cerda
Sucessor Fabián Araneda Núñez
Dados pessoais
Nascimento 28 de abril de 1988 (31 anos)
Santiago,  Chile
Nacionalidade  Chilena
Progenitores Mãe: Mariela Dowling
Pai: Reinaldo Vallejo
Alma mater Universidade do Chile
Cônjuge Julio Sarmiento
Partido Juventudes Comunistas do Chile
Religião Ateísmo
Profissão Geógrafa
Website http://camilavallejodiputada.cl/

Camila Antonia Amaranta Vallejo Dowling (Santiago, 28 de abril de 1988) é uma estudante, dirigente estudantil e política chilena. Militante das Juventudes Comunistas do Chile, estudou geografia na Universidade do Chile e é a atual vice-presidente da Federação de Estudantes da Universidade do Chile (FECh). Entre os anos de 2010 e 2011 ocupou o cargo de presidente da entidade, sendo a segunda mulher a ocupar esse cargo, depois de Marisol Prado, entre 1997 e 1998. Foi derrotada na eleição de 6 de dezembro de 2011 por Gabriel Boric.

Adquiriu notoriedade pública como líder e porta voz nos protestos estudantis do Chile em 2011, ao lado de outros líderes estudantis da Federação de Estudantes da Universidade católica do Chile: Giorgio Jackson, e Camillo Ballesteros da Federação de Estudantes da Universidade de Santiago do Chile. Hoje atual deputada do Partido Comunista do Chile. Entre as principais bandeiras, a luta por uma educação gratuita.

Foi homenageada como personalidade do ano de 2011 pelo jornal britânico The Guardian. Camila foi eleita pelos leitores do jornal, o qual é o segundo jornal de língua inglesa mais lido no mundo. Camila recebeu 78% dos votos, concorrendo com vários candidatos importantes como: a Chanceler da Alemanha Angela Merkel, que ganhou notoriedade com a proposta de reforma na crise da União Europeia, o tunisino Mohamed Bouazizi, que ateou fogo em si mesmo e provocou o começo da Primavera Árabe, Tariq Jahan, pai de uma das vítimas dos Tumultos na Inglaterra em 2011, entre outras pessoas que marcaram o ano de 2011.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Camila Vallejo