Cantoras do Rádio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde abril de 2017).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Cantoras do Rádio
 Brasil
2009 •  81 min 
Direção Gil Baroni
Roteiro Gil Baroni
Monica Rischbieter
Gênero Filme biográfico
Documentário
Edição Paulo Andrade
Gil Baroni
Lançamento 11 de junho de 2009
Idioma Português

Cantoras do Rádio é um documentário brasileiro de 2009 dirigido por Gil Baroni. O filme tem como ponto de partida o registro do show "Estão Voltando as Flores", de 2005, em que as cantoras Carmélia Alves, Carminha Mascarenhas, Violeta Cavalcanti e Ellen de Lima fazem uma homenagem à era de ouro do rádio, entre as décadas de 30 e 50.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O documentário se concentra nos depoimentos dado por Carmélia Alves, Carminha Mascarenhas, Violeta Cavalcanti e Ellen de Lima que falam sobre as histórias de suas vidas e também contam alguns “causos” da época em que eram soberanas nas rádios e nos palcos. Além disso, “Cantoras do Rádio” traz relatos de Ricardo Cravo Albin e Chico Anysio entre outros admiradores desse fundamental e marcante período da música brasileira e oferece um breve painel biográfico de outras artistas importantes do movimento: Carmem Miranda, Aracy de Almeida, Aurora Miranda, Dalva de Oliveira, Dolores Duran, Elizeth Cardoso, Linda e Dircinha Batista, Isaura Garcia e Nora Ney.

Referências

  1. EDUARDO TARDIN (11 de junho de 2009). «Diretor diz que documentário mostra a "beleza da alma" das cantoras do rádio». Uol. Consultado em 14 de junho de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]