Capricornis crispus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Como ler uma infocaixa de taxonomiaSerau japonês
Imagem de um Serau Japonês
Imagem de um Serau Japonês
Estado de conservação
Espécie pouco preocupante
Pouco preocupante (IUCN 3.1) [1]
Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Cetartiodactyla
Família: Bovidae
Gênero: Capricornis
Espécie: crispus
Nome binomial
Capricornis crispus
Temminck, 1836

O serau japonês é uma espécie pertencente ao gênero Capricornis endémica ao Japão, em específico às ilhas de Honshu, Kyushu e Shikoku.[1]

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

O nome binomial atual, Capricornis cripus é de autoria de Temminck (1836). Wilson e Reeder (1993) trataram a espécie como sendo pertencente ao gênero Naemorhedus, porém Grubb (2005) colocou a espécie no gênero Capricornis. Evidência genética recente mostra que o Capricornis swinhoei é uma espécie diferente ao Capricornis crispus.[1]

Distribuição e habitat[editar | editar código-fonte]

O Capricornis crispus é uma espécie endémica ao Japão, encontrando-se nas ilhas de Honshu, Kyushu e Shikoku. A espécie se faz comum nas cadeias de montanhas do norte e centro de Honshu e leste de Shikoku, porém é restringida a pequenas áreas fragmentadas em Kyushu. Povoa densas florestas em encostas de montanhas e florestas de coníferas.[1][2]

Descrição[editar | editar código-fonte]

O corpo da espécie tem uma extensão de 80-180 centímetros, altura dos ombros de 50-94 cm, tamanho de cauda de 6-16 cm e peso de 25-140 quilogramas. Ao contrário de espécies similares, a pelagem da parte superior do animal não tem uma cor uniforme, e sim varia entre branco e roxo escuro. As pernas são marrom escuro ou pretas e pode haver uma pelagem branca envolvendo a parte inferior do pescoço. As orelhas são longas e marrons, enquanto o nariz é escuro e sem pelagem. As partes inferiores são claras e a cauda é moderadamente espessa. Macho e fêmea possuem chifres curvados para trás e que medem 8-15 cm.[2]

Biologia e ecologia[editar | editar código-fonte]

A espécie alimenta-se durante o início da manhã e final da tarde, abrigando-se sob rochas ou em cavernas durante o resto do dia. Indivíduos podem ter um território de 1,3-4,4 hectares, enquanto grupos ocupam 9,7-21,7 hectares. A marcação de seus territórios é feita a partir de uma secreção produzida pelas glândulas pré-orbitais. A maturidade sexual ocorre com 2 anos e meio para fêmeas e 2,5-3 anos para machos, e o período de gestação dura 7 meses, começando em outubro e novembro. Podem viver por até 20 anos.[2]

Referências

  1. a b c d «Capricornis crispus, Japanese Serow» (em inglês). Lista Vermelha da União Internacional pela Conservação da Natureza. Consultado em 1 de novembro de 2021 
  2. a b c «Capricornis crispus» (em inglês). Ultimate Ungulate. Consultado em 1 de novembro de 2021