Honshu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Honxu
Japan honshu map small.png
Localização da ilha no arquipélago.

nipônico

Geografia física
País Japão
Ponto culminante Monte Fuji, 3.776 m
Área 227962  km²
Perímetro 5450  km
Geografia humana
População 102 324 971
Densidade 442,79 hab./km²

Honshu (本州, Honshū?) ou Honxu[1] é a maior das ilhas do arquipélago japonês. Três das quatros maiores e mais modernas cidades japonesas situam-se em Honshu, incluindo: Tóquio (a maior), Yokohama, Osaka, Nagóia, Kobe, Kyoto, Akita, Sendai, Fukushima, Niigata e Hiroshima.

Referências

  1. LEONARD, J. N. Japão Antigo. Tradução de Thomas Scott Newlands Neto. Rio de Janeiro. Livraria José Olympio Editora. 1979. p. 8,9.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Monte Fuji , localizado na ilha de Honshu, é a montanha mais alta do Japão em 3.776,24 m (12,389 pés). Um estrato volcam ativo que entrou em erupção em 1707-08, o Monte Fuji fica a cerca de 100 quilômetros a sudoeste de Tóquio, e pode ser visto a partir de lá em um dia claro. O cone excepcionalmente simétrico do Monte Fuji, que é coberto de neve vários meses por ano, é um símbolo bem conhecido do Japão e é freqüentemente retratado em arte e fotografias, bem como visitado por turistas e alpinistas. É uma das "Três Montanhas Sagradas" do Japão, juntamente com o Monte Tate e o Monte Haku; É um lugar especial de beleza cênica, um local histórico, e foi adicionado à Lista do Patrimônio Mundial como um site cultural em 22 de junho de 2013.

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.