Chastelet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ambox important.svg
Foram assinalados vários aspectos a serem melhorados nesta página ou se(c)ção:
Chastelet

Chastelet, também denominado Bayt al-Ahzan[1] ou Metzad Ateret[2], localizava-se no Reino Latino de Jerusalém, na Terra Santa, atualmente em território controlado de facto por Israel e disputado pela Síria.

História[editar | editar código-fonte]

Iniciado pela Ordem dos Templários em 1178 ou em março de 1179, tinha a função de defesa de um vau (ponto de travessia de peregrinos em direção a Jerusalém) às margens do rio Jordão, ao Sul do lago Hula e a Noroeste do Chastel-Neuf. Ainda em construção, foi cercado e arrasado pelas forças de Saladino, que massacraram a sua guarnição (Batalha do vau de Jacó, Agosto de 1179). Nesta batalha os muçulmanos capturaram o Mestre da Ordem, Odo de Saint Amand.

Referências

  1. Bayt al-Ahzan, em árabe: "bayt al-ʾaḥzān" بيت الاحزان, "casa da tristeza"
  2. Metsad `Ateret, em hebraico: מצד עתרת

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Demurger, Alain. Les Templiers, une chevalerie chrétienne au Moyen-Age. Paris: Seuil, 2005. ISBN 2020669412
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Chastelet


Chastelet du Gué-Jacob
Ateret-S-164.jpg
Geografia
País
Coordenadas
Funcionamento
Estatuto
Castle ruin (d)Visualizar e editar dados no Wikidata
História
Fundação