Convento da Boa Hora

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Igreja de Nossa Senhora da Boa Hora 7405.jpg

O Convento de Nossa Senhora da Boa Hora, na freguesia da Ajuda é também conhecido por Igreja da Boa-Hora. Foi construído no séc. XVIII, após o terramoto de 1755, ficando situado no Largo da Boa-Hora (Lisboa). O plano da obra foi elaborado por Eugénio dos Santos e segue a linha da arquitetura religiosa Pombalina, com um estilo mais sóbrio.

Em 1834, com a extinção das ordens religiosas, foi desocupado e em 1892 instalaram no local o Hospital Militar de Belém.[1]

A Igreja do convento passou nesta época a Igreja Paroquial de Nossa Senhora da Ajuda e foi extensamente remodelada nos anos 70 do século XIX. Trata-se de uma Igreja de apenas uma nave, decorada com tetos pintados e painéis de azulejo, estes últimos representam cenas da vida de Santo Agostinho assim como os quatro Evangelistas.[2]

Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Convento da Boa Hora