Dia Europeu da Memória das Vítimas do Estalinismo e do Nazismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Dia Europeu da Memória das Vítimas do Estalinismo e Nazismo, também conhecido como "Dia da Fita Preta" é celebrado todo dia 23 de Agosto em alguns países. Ele foi instituído em 2008 e 2009 pelo Parlamento Europeu mediante a Declaração de Praga sobre Consciência Europeia e Comunismo como um " Dia Europeu da Memória das vítimas de todos regimes autoritários e totalitários, a ser comemorado com dignidade e imparcialidade "[1]

Stalin e Ribbentrop na assinatura do pacto

A data foi escolhida porque coincide com o dia em que o Pacto Ribbentrop-Molotov foi firmado, em que a União Soviética e a Alemanha Nazista concordarem em dividir a Europa Oriental.[2]

Este dia de lembrança originou-se dos protestos pelas vítimas do comunismo e sua ocupação na Europa, na década de 80, iniciado por refugiados canadenses de países ocupados pela União Soviética,[3] o que depois levou a Cadeia Báltica, durante as revoluções de 1989, que anunciavam o colapso da União Soviética.


Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Parlamento Europeu (23 Setembro 2008). Dia Europeu da Memória das Vítimas do Estalinismo e do Nazismo. Acedido a 12 Setembro 2014 em [1]
  2. «Annual European Day Of Remembrance For Victims Of Stalinism, Nazism» (em inglês). Radio Free Europe. Consultado em 31 de dezembro de 2014 
  3. «Victims of totalitarianism remembered» (em inglês). Toronto Sun. Consultado em 31 de dezembro de 2014