Diocese de Fulda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Diocese de Fulda
Diœcesis Fuldensis
Brasão da Diocese
Localização
País  Alemanha
Arquidiocese metropolitana Arquidiocese de Paderborn
Estatísticas
População 1 709 590 (2 013)
Área 10 318[carece de fontes?] km²
Paróquias 304
Informação
Denominação Católica Romana
Rito Romano
Criação 5 de outubro de 1752
Catedral Catedral de Fulda (Igreja de São Salvador)
Padroeiro(a) São Bonifácio
Santa Isabel da Turíngia
Governo da diocese
Bispo Michael Gerber
Bispo auxiliar Karlheinz Diez
Bispo emérito Heinz Josef Algermissen
Jurisdição Diocese
Página oficial http://www.bistum-fulda.de/

A Diocese de Fulda (em latim: Dioecesis Fuldensis) é um território eclesiástico da Igreja Católica Romana sediado em Fulda, na Alemanha. Seu distrito cobre partes do noroeste de Hesse, oeste da Turíngia e um pequeno território na Baviera. A diocese é subordinada à Arquidiocese de Paderborn.[1]

A diocese conta com 400.977 católicos, de uma população total de 1.709.590.[2] O atual bispo é Dr. Michael Gerber e a igreja principal é a Catedral de Fulda. A diocese está dividida em dez regiões, com 304 paróquias.[2]

História[editar | editar código-fonte]

A origem da diocese está ligada à Abadia de Fulda, fundada em 744 por São Bonifácio e seus auxiliares.[3] Desde 751 a Abadia não esteve subordinada a nenhuma diocese, e sim diretamente ao Papado, o que lhe deu grande importância dentro do Sacro Império Romano Germânico.[3]

Essa importância materializou-se na Diocese de Fulda, criada pelo Papa Bento XIV a 5 de outubro de 1752.[3]

Referências

  1. Diocese de Fulda n sítio da Catholic Hierarchy
  2. a b Das Bistum in Zahlen no sítio oficial da Diocese
  3. a b c Geschichte des Bistums no sítio oficial da Diocese

Ligações externas[editar | editar código-fonte]