Discussão:Programação neurolinguística

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Comentário de Scott MacLean, 2006[editar código-fonte]

Tenho a nítida impressão que esse texto do artigo foi copiado de algum lugar, com infração a direitos autorais.

Já dei uma pesquisada pelo Google, mas não consegui achar.

Em todo caso, da forma como está escrito, mais parece uma propaganda comercial do que um artigo de enciclopédia.

Falta-lhe neutralidade.

Precisa ser revisado com a maior brevidade possível, pois como está passa uma péssima imagem da Wikipedia, como espaço de propaganda comercial. Scott MacLean 03:29, 25 Junho 2006 (UTC)

Sem dúvida. Este texto é copiado do folheto PDF de algum curso, tem um artigo como este na Wikipédia é lamentável. Dantaddσυζήτηση 17:43, 20 Novembro 2006 (UTC)

Não seria melhor reescrever o artigo todo? Sou um pouco novo por aqui, mas de PNL entendo e o texto esta cheio de erros. Parece mesmo que foi traduzido por algum programa, de uma propaganda quanquer.o comentário precedente não foi assinado por Gipecbr (discussão • contrib.)

Não vejo problema na apresentação do texto e como foi descrito. Para mim a informação foi boa.comentário não assinado de 200.195.50.2 (discussão • contrib) 12h44min de 21 de maio de 2009 (UTC)[Responder]

Artigo completamente parcial, obviamente escrito por um defensor da pnl (o que em si não seria um problema se a redação do artigo não ferisse gravemente a imparcialidade e neutralidade esperada de uma enciclopédia.comentário não assinado de 186.218.221.62 (discussão • contrib) 03h27min de 21 de julho de 2015 (UTC)[Responder]

Programação neurolinguística[editar código-fonte]

O artigo realmente presta mais um desserviço porquanto confunde e revela uma incompreensão do campo da ciência. Por exemplo, a colocação sobre ser uma pseudociência ou uma "religião popular" não tem o menor sentido diante da compreensão do campo e da atividade científica.

Em ciência procuramos desenvolver um equilíbrio entre o ceticismo e a credulidade, isto faz parte de uma subdisciplina da metaciência que se chama Psicologia da ciência ou dos cientistas...

Se os argumentos de autoridades em um campo passam do contexto da descoberta para o contexto da validação teremos o que chamamos de Autoridade do argumento, ou seja, algumas hipóteses se mostram eficazes e portanto válidas, justamente este é o contexto da validação.

Toda ciência ligada a área de saúde tem espaço para o pragmatismo, para o uso de técnicas visando soluções por profissionais competentes, logo, com formação adequada. Como se trata de inovações isto terá que sair do contexto da descoberta e passar para o contexto da validação. Neste sentido, todas as teorias dos diferentes sistemas de psicologia, psicanálise, behaviorismo, cognitivismo, têm tido suas hipóteses testadas. As teorias são testadas indiretamente através das hipóteses que o potencial heurístico de cada uma gera. O artigo é confuso.comentário não assinado de 2804:7f1:e884:56d6:30e9:afd:8393:c3cc (discussão • contrib) 17h22min de 6 de março de 2021‎ (UTC)