Edmundo Safdié

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Edmundo Safdié (São Paulo, 06 de Maio de 1929 - São Paulo, 16 de Junho de 2016[1]) foi um banqueiro Brasileiro descendente de judeus libaneses. Fundador do Banco Cidade, comandou o negócio até 2002, quando o vendeu ao Bradesco por US$ 300 milhões, passando a investir em bancos da Suíça e Israel, bem como no ramo da aviação civil, como acionista da Helibras[2]. Safdié foi acusado de lavagem de dinheiro envolvendo operações relativas a dinheiro oriundo de corrupção do ex-prefeito de São Paulo, Celso Pitta[3].

Referèncias Externas[editar | editar código-fonte]

  • Fundador do Banco Cidade, Edmundo Safdié morre aos 87 anos
  • Fundador do Banco Cidade, Edmundo Safdie morre aos 87 anos
  • Banqueiro do propinoduto paulista vendeu apartamento a FHC