Egas Moniz III de Ribadouro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura por outros homónimos, veja Egas Moniz.
Egas Moniz III de Ribadouro
Rico-homem/Senhor
Tenente condal
Reinado
 
Cônjuge Dordia Osores
Descendência Monio Viegas IV

Garcia Viegas (bastardo)
Dinastia Ribadouro
Nome completo
Egas Moniz de Riba Douro
Nascimento Antes de 1095
Morte Depois de 1115
Pai Monio Fromariques de Ribadouro
Mãe Elvira Gondesendes
Religião Catolicismo romano

Egas Moniz III de Ribadouro (antes de 1095 - depois de 1115) foi um nobre medieval do Condado Portucalense.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Egas era filho de Monio Fromariques de Ribadouro[1], sobrinho do então senhor de Ribadouro e chefe da família , Egas Moniz I de Ribadouro. A sua mãe, Elvira Gondesendes, é de origem incerta.

Detinha propriedades na região do Ribadouro, mais propriamente em Pindelo, Ermegilde, Vilar e Vila Meã[2]. Além disso desempenhou também, à semelhança do seu irmão Martim Moniz de Ribadouro, a tenência de Arouca[2].

Lavrou testamento em 1106, segundo o qual deixava metade dos seus bens ao Mosteiro de Paço de Sousa, e a outra aos seus filhos, garantindo no entanto à sua viúva o usufruto da parte dos filhos[3].

Egas terá falecido provavelmente pouco depois de deixar o governo da terra de Arouca (1115). Em 1131, o seu filho Monio já o dá por morto.[3].

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

Egas desposou, em data incerta, Dordia Osores[3][2][4], de quem teve a seguinte descendênciaː

De uma barregã, Senda Tedones[2], Egas teve tambémː

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]