Eleições parlamentares na Groenlândia em 2009

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Groenlândia

As eleições parlamentares groenlandesas de 2009 foram realizadas em 2 de junho.

Resultados[editar | editar código-fonte]

O partido separatista de esquerda, Partido do Povo Inuíte (Inuit Ataqatigiit), obteve vitória histórica no pleito, derrotando os social-democratas do Avante (Siumut), que estavam no poder há 30 anos. O Partido do Povo Inuíte (Inuit Ataqatigiit) obteve recebeu 43,7% do votos, 21,3% a mais que nas eleições de 2005, e se tornou o maior partido no Parlamento da Groenlândia (Inatsisartut). O Siumut, que caiu 3,9%, a 26,5%, registrou o pior resultado desde 1979, quando foi instaurado o regime de autonomia interna da ilha. O presidente do IA, Kuupik Kleist, agradeceu os simpatizantes do partido.[1]

Referências

  1. «Landstingsvalg 2009 - Oversigt» (em dinamarquês). Valg i Grønland. Consultado em 29 de maio de 2018. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Fonte[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.