Estação Boulogne - Jean Jaurès

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Boulogne - Jean Jaurès
A plataforma única da estação.
Uso atual Estação de metropolitano
Administração RATP Metrô de Paris
Linhas Linha 10
Código 29-04
Tipo de estação Subterrânea
Plataforma 1
Informações históricas
Inauguração 03 de outubro de 1980
Localização
Localização 25, Boulevard Jean-Jaurès x 23, Boulevard Jean-Jaurès x 126 bis, Rue du Château x 138, Rue du Château
Próxima estação
Sentido Boulogne Paris Metro 10.svg Sentido Gare d'Austerlitz
Boulogne - Pont de Saint-Cloud Porte d'Auteuil (depois de Gare d'Austerlitz)
Michel-Ange - Molitor (para Gare d'Austerlitz)
Boulogne - Jean Jaurès

Boulogne - Jean Jaurès é uma estação da linha 10 do Metrô de Paris, localizada na comuna de Boulogne-Billancourt.

Localização[editar | editar código-fonte]

A estação está situada na rue du Château (D 102), entre o cruzamento com o boulevard Jean-Jaurès (D 2) e a rue Fessart. Em direção à Gare d'Austerlitz, precede o circuito de Auteuil, que marca a entrada da linha no território de Paris. Aproximadamente orientada ao longo de um eixo leste-oeste, ela é inserida entre Boulogne - Pont de Saint-Cloud (terminal oeste), por um lado, e Porte d'Auteuil (depois de Gare d'Austerlitz) ou Michel-Ange - Molitor (em direção a Gare d'Austerlitz), por outro lado.

História[editar | editar código-fonte]

O acesso secundário da estação.

A estação foi aberta em 3 de outubro de 1980, marcando a primeira fase de uma extensão destinada a atender os bairros do norte de Boulogne, distantes da linha 9. Ela constituiu temporariamente o terminal ocidental da linha 10 (depois de Gare d'Austerlitz), substituindo o terminal de Porte d'Auteuil até 2 de outubro de 1981, data em que a extensão a Boulogne - Pont de Saint-Cloud foi aberta. As manobras dos trens eram realizadas anteriormente através de um aparelho de mudança de via localizado atrás da estação.

Ela deve sua denominação de uma parte à sua implantação no território de Boulogne-Billancourt e, da outra, à sua proximidade com o boulevard Jean-Jaurès, que presta homenagem a Jean Jaurès, orador e socialista parlamentar assassinado no início da Primeira Guerra Mundial à qual ele se opôs ao desenrolar. Ele também é homenageado na estação Jaurès nas linhas 2, 5 e 7 bis.

O serviço da estação é garantido inicialmente apenas por um trem de dois até as 18 h 40, o restante das circulações retornando para o leste pela extremidade oeste do circuito de Auteuil. Posteriormente, todos os trens param por aí, com exceção do primeiro serviço diário, além de algumas outras missões raras durante a semana no início da horário de pico.

Em 2011, 3 748 047 passageiros entraram nesta estação[1]. Em 2012, foram 3 881 029 passageiros[2]. Ela contou 3 847 782 passageiros em 2013, o que a coloca na 134ª posição das estações de metrô por sua frequência em 302[3][4].

Serviços aos passageiros[editar | editar código-fonte]

Acessos[editar | editar código-fonte]

A estação possui três entradas constituídas por escadas fixas:

  • O acesso 1 "Boulevard Jean-Jaurès, rue du Château, lado números ímpares", completada com um mastro com um "M" amarelo dentro de um círculo, levando à direita do no 25 deste boulevard;
  • O acesso 2 "Boulevard Jean-Jaurès, rue du Château, lado números pares", também tem um totem "M" amarelo, se situando face ao no 23 do boulevard;
  • O acesso 3 "Rue du Château" consistindo de uma edícula em vidraria estabelecida em alinhamento com os edifícios da calçada par da rua, entre os números 126 bis e 138.

Plataformas[editar | editar código-fonte]

Boulogne - Jean Jaurès é uma estação de configuração particular: devido à estreiteza da rua sob a qual é construída, ela possui uma plataforma central enquadrada pelas duas vias do metrô. Os pés-direitos são verticais e suportam um teto semi-elíptico coberto com uma flocagem corta-fogo preta. A decoração é uma variação do estilo “Andreu-Motte” com um dispositivo de iluminação suspensa além de pequenas telhas em cerâmica planas e finas, em branco acinzentado nos pés-direitos e em bordô no entorno das escadas de acesso. Os quadros publicitários são metálicos e o nome da estação está inscrito em letras maiúsculas em placas esmaltadas. Os assentos são de estilo "Akiko" de cor bordô.

Intermodalidade[editar | editar código-fonte]

A estação é servida pelas linhas 52 e 123 da rede de ônibus RATP.

Referências

  1. Entradas anuais provenientes de fora da estação (via pública, correspondências de ônibus, rede SNCF, etc.), no site data.ratp.fr (consultado em 5 de novembro de 2012).
  2. Entradas anuais provenientes de fora da estação (Ficha Excel) (via pública, correspondências de ônibus, rede SNCF, etc.), no site data.ratp.fr (consultado em 11 de janeiro de 2014).
  3. Tráfego anual de entradas por estação (2013), no site data.ratp.fr (consultado em 31 de agosto de 2014).
  4. O número de 302 estações não inclui a estação fictícia Funicular de Montmartre. Esta última é de fato considerada como uma estação de metrô (e dois pontos de parada) pela RATP e anexada estatisticamente à linha 2, razão pela qual a RATP anuncia 303 estações e não 302.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Estação Boulogne - Jean Jaurès