Estaca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

As estacas são elementos estruturais de fundação profunda que são executadas inteiramente por equipamentos ou ferramentas, sem que, em qualquer fase de sua execução, haja descida do operário pelo fuste. Podem ser classificadas como “estacas escavadas” e “estacas cravadas”. Das estacas escavadas, ainda podemos agrupá-las em: estacas escavadas com o emprego de broca, ou, através do apiloamento do solo. [1]

Fundação profunda[editar | editar código-fonte]

Fundações profundas são elementos estruturais de fundação que usam a atrito lateral gerado entre a estaca e o solo para transferir as cargas provenientes da edificação para o solo. Algumas literaturas consideram a resistência de ponta, mas na pratica esta resistência é desprezada. [2]

Estacas escavadas[editar | editar código-fonte]

Estacas escavadas por broca[editar | editar código-fonte]

A NBR – 6122/96[3] define estaca tipo broca como sendo um tipo de fundação profunda executada por perfuração com trado e posterior concretagem, sendo executadas com trado manual ou mecânico, sem uso de revestimento.

Estacas escavadas por apiloamento do solo[editar | editar código-fonte]

Tipo de fundação profunda executada por perfuração com o emprego de soquete. Para a NBR 6122/96, este tipo de estaca é tratado também como estaca tipo broca. Sua perfuração é feita através da queda livre da piteira, na maioria dos casos com a utilização de água. A piteira em queda intermitente perfura o solo abrindo assim o fuste para posterior concretagem.

Estacas cravadas[editar | editar código-fonte]

As estacas cravadas (ou estacas pré-moldadas) caracterizam-se por sua introdução no solo através de processos que não promovam a retirada de solo, elas podem ser cravadas por percussão, prensagem ou vibração. Existem diversos tipos de estacas cravadas, de diversos materiais, elas podem ser de madeira, aço, concreto-armado, ou de material misto.

Referências

  1. ESTACAS DE CONCRETO, S. B. Veliovich, L. G. Marcondes Campos, A. Botelho - Trabalho acadêmico, curso de Engenharia Civil, Universidade de Taubaté, 2015.
  2. Cintra, José Carlos A., Fundações por estacas: projeto geotécnico / José Carlos A. Cintra, Nelson Aoki. -- São Paulo: Oficina de textos, 2010.
  3. ABNT NBR 6122/96: Projeto e execução de fundações.

Ver também[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre engenharia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.