Federação dos Estudantes Marxistas-Leninistas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de FEM-L)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A FEM-L foi a organização do Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses/Movimento Reorganizativo do Partido do Proletariado para a juventude, fundada em 1972. Teve um papel muito importante nos primeiros anos do partido.

O Orgão Central da FEM-L foi o Guarda Vermelha.

Neste Momento a FEM-L encontra-se desactiva, embora exista um projecto para a sua reorganização, cujo nome é VERMELHORIZONTE.

Os quadros mais conhecidos da FEM-L foram Ribeiro Santos, Alexandrino de Sousa, Garcia Pereira (actual dirigente do PCTP/MRPP) e José Manuel Durão Barroso


Ribeiro Santos[editar | editar código-fonte]

A morte de Ribeiro Santos (durante uma reunião de estudantes contra a repressão fascista de Caetano, realizada em 12 de Outubro de 1972 na Faculdade de Ciências Económicas e Financeiras de Lisboa) constituiu um marco decisivo e de viragem no movimento popular e revolucionário contra a ditadura e a guerra colonial-imperialista que viria a atingir o seu auge em 1974, com o derrube daquele regime.

O exemplo de firmeza nos princípios, e de coragem e abnegação na luta física contra o adversário que Ribeiro Santos soube demonstrar do modo mais sublime ao serviço de uma causa justa, transformou-se num estímulo permanente para todos os que persistem na luta por uma sociedade mais justa e igualitária. (PCTP/MRPP)

Alexandrino de Sousa[editar | editar código-fonte]

Alexandrino de Sousa era um jovem estudante que pertencia aos quadros da FEM-L, exercendo o papel de director do Guarda Vermelha. a história deste jovem estudante foi muito trágica, tendo sido atirado ao rio por militantes da UDP quando estava a colar cartazes assinalantes da morte do ex-companheiro Ribeiro Santos. Assim morreu, a 9 de Outubro de 1975.


A FEM-L nos dias de hoje[editar | editar código-fonte]

Hoje, a FEM-L encontra-se desactiva, embora exista um projecto para a sua reconstituição, cujo nome é VERMELHORIZONTE.


Referências[editar | editar código-fonte]

http://vermelhorizonte.blogspot.com/ * Título não preenchido, favor adicionar

Ícone de esboço Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.