Federação Malaia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ڤرسكوتوان تنه ملايو
Persekutuan Tanah Melayu

Federação da Malásia
Flag of the Federated Malay States (1895 - 1946).svg
 
Flag of the British Straits Settlements (1874-1925).svg
 
Flag of the British Straits Settlements (1874-1925).svg
1948 – 1963 Flag of Malaysia.svg
Flag Brasão
Bandeira Brasão
Localização de Malásia
Continente Ásia
Região Sudeste da Ásia
Capital Kuala Lumpur
3° 8' N 101° 42' E
Governo Monarquia Constitucional
Yang di-Pertuan Agong Tuanku Abdul Rahman (1957-60)
Sultan Hisamuddin Alam Shah (1960)
Tuanku Syed Putra (1960-63)
História
 • 31 de janeiro de 1948 Fundação
 • 31 de agosto de 1957 Independência
 • 16 de setembro de 1963 Formação da Malásia

A Federação Malaia (em malaio: Persekutuan Tanah Melayu; Jawi: ڤرسكوتوان تانه ملايو) é o nome dado a uma federação de 11 estados (nove estados malaios e dois dos Estabelecimentos dos Estreitos britânicos: Penang e Malaca) [1], que existiu de 31 de janeiro de 1948 até 16 de setembro de 1963. A Federação tornou-se independente em 31 de agosto de 1957,[2] e em 1963 foi reconstituída como a Malásia, com a adição de Singapura, Bornéu do Norte e Sarawak.[3] A combinação de estados que antes formavam a Federação Malaia é conhecida atualmente como Malásia Peninsular.

História[editar | editar código-fonte]

De 1946 a 1948 os 11 estados formaram uma colônia da coroa britânica conhecida como a União Malaia. Devido à oposição dos nacionalistas malaios, a União foi dissolvida e substituída pela Federação Malaia, que restaurou as posições simbólicas dos governantes dos estados malaios.

Dentro da Federação, enquanto os estados malaios eram protetorados do Reino Unido, Penang e Malaca permaneceram territórios coloniais britânicos. Como a União Malaia, anteriormente, a Federação não incluía Singapura, que antes dessa época era geralmente considerada como parte da Malásia.

A Federação alcançou a independência no âmbito da Comunidade das Nações em 31 de agosto de 1957. Em 1963, a Federação foi reconstituída como "Malásia" quando federada com os territórios britânicos de Singapura, Sarawak, e Bornéu do Norte Britânico (que foi renomeado Sabah); uma reivindicação a este último território se manteve pelas Filipinas[4][5]. Cingapura separou-se da Malásia para se tornar uma república independente em 9 de agosto de 1965.

Lista dos estados membros[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. See: Cabinet Memorandum by the Secretary of State for the Colonies. 21 February 1956 Predefinição:Sourcetext
  2. The UK Statute Law Database: Federation of Malaya Independence Act 1957 (c. 60)
  3. «No.10760: Agreement relating to Malaysia» (pdf). United Nations Treaty Collection. United Nations. 1963. Consultado em 2010-07-29. 
  4. United Nations Treaty No. 8029, Manila Accord between Philippines, Federation of Malaya and Indonesia (31 July 1963)
  5. Exchange of notes constituting an agreement relating to the implementation of the Manila Accord of 31 July 1963

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

United Nations Treaty Collection: No.10760: Agreement relating to Malaysia