Francis Herbert Bradley

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Francis Herbert Bradley
Nome nativo Francis Herbert Bradley
Nascimento 30 de janeiro de 1846
Morte 18 de setembro de 1924 (78 anos)
Oxford
Cidadania Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
Alma mater University College
Ocupação filósofo
Prêmios Ordem de Mérito
Empregador Universidade de Oxford

Francis Herbert Bradley (30 de janeiro de 1846 - 18 de setembro de 1924) foi um filósofo inglês.Foi o membro mais influente do movimento filosófico conhecido por idealismo britânico. Esta corrente era tributária de Immanuel Kant, e do idealismo alemão representado Johann Fichte, Schelling e Hegel, embora tendesse a desvalorizar essas influências.

Bradley rejeitou as tendências utilitaristas e empiristas da filosofia inglesa representada por John Locke, David Hume e John Stuart Mill. As suas ideias são por vezes comparadas com as do filósofo indiano Adi Shankara. Uma das características da abordagem filosófica de Bradley é a distinção da ambiguidade na linguagem, especialmente no interior de cada palavra, o que antecipou abordagens posteriores da filosofia da linguagem no século XX. [1]

Referências