Friedrich Wilhelm Joseph von Schelling

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia
Friedrich Schelling em 1848.

Friedrich Wilhelm Joseph von Schelling (Leonberg, 27 de Janeiro de 1775Bad Ragaz, 20 de Agosto de 1854) foi um filósofo alemão, um dos representantes do Idealismo alemão, assim como Fichte e Hegel.

No desenvolvimento do Idealismo Alemão, os Historiadores da Filosofia normalmente situam Schelling entre Fichte, seu mentor antes de 1800, e Hegel, seu amigo e companheiro de quarto na Universidade de Tübingen.

Vida[editar | editar código-fonte]

Aos 15 anos entrou para o Tübinger Stift, o seminário luterano de Tübingen (Württemberg), ligado à Universidade, onde inicia a amizade com o poeta Hölderlin e com o filósofo Hegel, ambos cinco anos mais velhos que ele.

Em 1792 graduou-se em filosofia e, em 1795, conclui sua tese, De Marcione Paullinarum epistolarum emendatore, para obter seu doutorado em teologia.

Entre 1796 e 1798 estudou matemática e ciências naturais em Leipzig. Nesse período começou o estudo de Kant e de Fichte, dos quais recebe uma grande influência.

Em 1798 foi nomeado professor em Jena, com o apoio de Goethe. Ali mantém relações com Schlegel, Tieck e Novalis, que pertenciam ao movimento romântico alemão.

Em 1803 casou-se com Caroline Schlegel. Entre 1803 e 1806 foi professor em Würzburg. Em 1806, assume o cargo de Secretário de Belas Artes em Munique. Ali torna-se professor na Universidade de Munique. Em 1809 Caroline morre. Três anos mais tarde Schelling casa-se com Pauline Gotter.

Em 1841 Schelling é nomeado professor na Universidade de Berlim, para suceder Hegel, e passa a comandar o movimento contra este filósofo. Em 1847 deixa de lecionar.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • 1794 - Sobre a Possibilidade de uma Forma da Filosofia em Geral
  • 1795 - Sobre o Eu Como Princípio da Filosofia ou sobre o Incondicionado no Saber Humano
  • 1797 - Idéias para uma Filosofia da Natureza (ISBN 972-27-1088-5)
  • 1798 - Da Alma do Mundo
  • 1799 - Primeiro Esboço de Um Sistema da Filosofia da Natureza
  • 1800 - Sistema do Idealismo Transcendental
  • 1802 - Bruno ou Sobre o Princípio Natural e Divino das Coisas
  • 1809 - Investigações Filosóficas sobre a Essência da Liberdade Humana (ISBN 972-44-0880-9)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]



Ícone de esboço Este artigo sobre filosofia / um filósofo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.