Hedera helix

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaHedera helix
Starr 010419-0021 Hedera helix.jpg

Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Apiales
Família: Araliaceae
Subfamília: Melinae
Género: Hedera
Espécie: H. helix
Nome binomial
Hedera helix
Linnaeus

A Hera (Hedera helix) é uma planta trepadeira do género Hedera, família Araliaceae. É natural da Europa Central e Ocidental.[1] [2]

Planta medicinal poderosa, a hera, se consumida em sua forma natural, pode ser tóxica. A recomendação é que ela seja ingerida através de fórmulas de remédios encontrados em lojas naturais e farmácias de manipulação e que possuem características curativas.

Seu nome científico é Hedera helix e a sua família de plantas é a Heraliceae. Conhecida também como hera inglesa, hera verdadeira ou hera venenosa, ela é originária da Europa, mas pode ser encontrada na Ásia e nas Ilhas Canárias. No Brasil, ela é encontrada apenas como uma flor ornamental, conhecida como trepadeira. As suas flores são de cor amarelo-esverdeado.

Apesar dos frutos amadurecerem na primavera, seu consumo não é recomendável porque eles são tóxicos.

Benefícios e propriedades[editar | editar código-fonte]

A hera, quando componente de remédios naturais, pode ser usada para curar tosses fortes, especialmente as com catarro. Além disso, suas ações são analgésicas, expectorante, calmante, cicatrizante, hidratante e lipolítica.

Quando a gripe ou a bronquite estão fortes, recomenda-se tomar ½ xícara de chá de hera para expectorar o catarro, já que suas propriedades são bronco-dilatadoras. Além disso, compressas ajudam na cicatrização de machucados.

E seus benefícios contemplam também a estética. Um banho com a infusão da planta garante uma pele mais macia e hidratada, porém é preciso ter cuidado para não exagerar na dose. A dica é colocar sempre mais água e evitar as partes intimas. Devido as suas ações de beleza, ela é facilmente encontrada como substância principal em produtos cosméticos, como creme contra celulites e antirrugas.

O uso dessa planta em excesso pode causar vômitos e diarreia, irritação gástrica e em casos mais graves, pode levar ao estado febril. O uso indevido das compressas causa dermatites.

Indicações[editar | editar código-fonte]

  • Controla crises de asma;
  • Ajuda no controle da bronquite;
  • Diminui as celulites;
  • Ameniza a laringite;
  • Auxilia no tratamento de gota;
  • Ajuda no combate ao reumatismo;
  • Diminui os calos;
  • Trata queimaduras;
  • Acelera a cicatrização;
  • Ameniza dores;
  • Age como calmante natural.

Contraindicações[editar | editar código-fonte]

A Hera é contraindicada para crianças e mulheres grávidas. Quem possui hipertireoidismo também não deve ingerir. Consulte um médico antes de tomar o chá da planta.

Curiosidade![editar | editar código-fonte]

Na Grécia antiga acreditava-se que a ingestão dessa planta evitava que alguém se embebedasse pela ingestão exagerada de vinho.

Sinônimos[editar | editar código-fonte]

  • Hedera arborea Garsault [inválido]
  • Hedera arborea Carrière [ilegítimo]
  • Hedera aurantiaca (Hibberd) Carrière
  • Hedera baccifera G.Nicholson
  • Hedera chrysophylla (Hibberd) Carrière
  • Hedera combwoodiana Carrière
  • Hedera communis Gray
  • Hedera conglomerata (G.Nicholson) Carrière
  • Hedera cordata Carrière
  • Hedera cordifolia G.Nicholson
  • Hedera digitata G.Nicholson
  • Hedera diversifolia Stokes
  • Hedera donerailensis K.Koch
  • Hedera elegantissima G.Nicholson
  • Hedera floribunda Sennen [ilegítimo]
  • Hedera glimii G.Nicholson
  • Hedera gracilis (Hibberd) Carrière
  • Hedera grandifolia G.Nicholson
  • Hedera humirepens Röhl.
  • Hedera latifolia G.Nicholson [inválido]
  • Hedera lobata Gilib. [inválido]
  • Hedera marginata G.Nicholson
  • Hedera minor G.Nicholson
  • Hedera palmata (Paul) Carrière
  • Hedera pennsylvanica G.Nicholson
  • Hedera poetica Salisb. [ilegítimo]
  • Hedera purpurea Carrière
  • Hedera willsiana G.Nicholson


Referências

  1. «{{subst:PAGENAME}}» (em inglês). The Plant List. 2010. Consultado em 21/10/2014.  Ligação externa em |publicado= (Ajuda)
  2. Missouri Botanical Garden (2014). Tropico, : . «{{subst:PAGENAME}}» (em inglês). Consultado em 21/10/2014.