Heloísa Fischer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Heloísa Fischer (Heloísa Fischer de Medeiros Pires,Rio de Janeiro, 22 de fevereiro de 1967) é uma jornalista e empreendedora brasileira. Atua no campo da Linguagem Simples desde 2016. Escreveu o livro "Clareza em textos de e-gov, uma questão de cidadania". É fundadora da Comunica Simples.

Começou a carreira profissional no rádio e em jornais. Nos anos 1980, foi redatora da Cidade FM e Jornal do Brasil AM, sediadas no Rio de Janeiro. Ocupou diversos cargos no Sistema Globo de Rádio até assumir a coordenação da Opus 90 FM (1993-1994), única emissora clássica comercial do Brasil. Foi colunista dos jornais O Dia e O Globo, cobrindo o setor de rádio. Fundou VivaMúsica! em 1994 para estimular o interesse por música clássica. Esteve à frente da empresa até o encerramento das atividades em 2015. Por iniciativa de VivaMúsica!, foi criado o Dia da Música Clássica em 5 de março, nascimento de Heitor Villa-Lobos. A data tornou-se oficial pela prefeitura do Rio em 2006, pelo governo do estado do Rio de Janeiro em 2007 e pelo governo federal em 2009.

Foi comentarista de música clássica da rádio CBN (2006-2015)[1], em rede nacional. Produziu e apresentou o canal de clássicos a bordo dos voos TAM (2007-2013). Foi uma das criadoras do bloco Feitiço do Villa no carnaval carioca de 2011. No ano anterior, organizou a turnê Democlássicos em casas noturnas de cinco cidades.

Seu podcast pessoal "Musica classica y beyond"[2] traz seleções musicais de aproximadamente 15 minutos de duração, mesclando clássicos e outros gêneros.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.