Home of the Brave (1949)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2018). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Home of the Brave
Páginas gloriosas (PT)
O clamor humano (BR)
 Estados Unidos
1949 •  p&b •  88 min 
Direção Mark Robson
Produção Stanley Kramer
Roteiro Arthur Laurents (argumento e roteiro)
Carl Foreman (roteiro)
Elenco Douglas Dick
Jeff Corey
James Edwards
Lançamento 1949
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

Home of the Brave (br.: O clamor humano/ pt.: Páginas gloriosas) é um filme estadunidense de 1949 do gênero "Drama de Guerra" dirigido por Mark Robson. O roteiro se baseou na peça teatral de Arthur Laurents, co-roteirista do filme juntamente com Carl Foreman. O produtor foi Stanley Kramer.

Elenco Principal[editar | editar código-fonte]

  • Douglas Dick...Major Robinson
  • Jeff Corey...Doutor
  • James Edwards...Soldado Peter Moss
  • Lloyd Bridges...Finch
  • Frank Lovejoy...Sargento Mingo
  • Steve Brodie...Cabo T.J. Everett
  • Cliff Clark...Coronel Baker

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Durante a Segunda Guerra Mundial, um psiquiatra do exército investiga o que aconteceu com o soldado agrimensor afroamericano Peter Moss que voltou de uma missão nas ilhas do Pacífico com amnésia recente e sem poder andar, embora não tenha sido ferido. Por intermédio de flashbacks fica-se sabendo sobre o grupo de homens que participaram da missão na ilha, da amizade de Moss com o seu colega de colégio e agora soldado Finch, do racismo explícito do cabo TJ e do racismo disfarçado do jovem major e líder da missão Robinson. Acompanhando os homens estava ainda o sargento Mingo, que acabou por se ferir seriamente.