Ilígero

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Ilígero (em grego: Ιλιγερ; transl.: Iliger) foi um huno do século VI. Foi um dos três líderes das forças de mercenários sabires que serviram com o exército bizantino em Lázica em 556 seus companheiros eram Balmaco e Cutilzis. Eles controlaram na primavera uma força de 2 000 infantes sabires. Martinho estacionou-os próximo de Arqueópolis com ordens de incomodar o avanço dos persas sob Nacoragano. Agátias registra como eles lutaram e repeliram os dilimnitas que tentaram surpreendê-los.[1] Maenchen-Helfen sugere que seu nome, de origem turcomana, seria *Ilig-är.[2] Peter Benjamin Golden, por sua vez, propôs que seu nome pode ser traduzido como "príncipe-homem".[3]

Referências

  1. Martindale 1992, p. 618.
  2. Maenchen-Helfen 1973, p. 409.
  3. Golden 1980, p. 258.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Golden, Peter Benjamin (1980). Khazar studies: An Historico-Philological Inquiry into the Origins of the Khazars. 1. Budapeste: Akadémiai Kiadó. ISBN 9630515490 
  • Maenchen-Helfen, Otto J. (1973). The World of the Huns: Studies in Their History and Culture. Berkeley, Los Angeles e Londres: University of California Press. ISBN 9780520015968 
  • Martindale, John R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1992). «Iliger». The Prosopography of the Later Roman Empire - Volume III, AD 527–641. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press. ISBN 0-521-20160-8