Ilhas Jónicas (periferia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Grécia Ilhas Jónicas

Περιφέρεια Ιονίων Νήσων

 
  Região  
Localização da periferia das Ilhas Jónicas na Grécia
Localização da periferia das Ilhas Jónicas na Grécia
Capital Corfu
- Fuso horário EET (UTC+2)
- Horário de verão EEST (UTC+3)

Ilhas Jónicas (português europeu) ou Ilhas Jônicas (português brasileiro) (em grego: Περιφέρεια Ιονίων Νήσων ) é uma periferia da Grécia. A moderna região das Ilhas Jónicas não inclui a ilha de Kythera, que historicamente lhe pertencia, mas que foi incluída na periferia da Ática.

A região surgiu com a reforma administrativa de 1987, e compreendia as prefeituras de Corfu, Cefalónia e Ítaca, Leucádia e Zaquintos.

Em 2010, com o plano Kallikratis, os seus poderes e autoridade foram redefinidos e estendidos. Tal como a Grécia Ocidental e o Peloponeso, é supervisionada pela Administração Descentralizada do Peloponeso, Grécia Ocidental e Ilhas Jónicas, com sede em Patras. A região tem sede em Corfu e divide-se em 5 unidades periféricas:[1]

O governador da região é, desde 1 de janeiro de 2011, Spyros Spyrou, eleito pelo partido Nova Democracia.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Grécia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.