Internet via satélite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Antena parabólica de internet via satélite.

Internet via satélite é um método de acesso à Internet que, na teoria, pode ser oferecido em qualquer parte do planeta. Possibilita altas taxas de transferência de dados, sendo sua comunicação feita do cliente para o satélite e deste para o servidor (ou podendo passar o sinal por outros satélites interligados). Como a maioria dos serviços de banda larga, a transmissão por satélite se faz de modo bidirecional (recebimento e envio de dados). Atualmente, a velocidade da ligação via satélite está entre 5 e 22 Mbps. Existem diversos operadores, principalmente distribuidores de TV, que operam via satélite.

É de referir que este tipo de ligação tem latências altas, ou seja, não é aconselhada por exemplo, para quem a pretende usar para jogar online.

História[editar | editar código-fonte]

O primeiro satélite de banda Ka lançado foi o Spaceway pela Hughes Aircraft em 1995.[1] Em 2003 a Eutelsat lançou o primeiro satélite internet ready, em 2004 foi lançado o Anik F2, primeiro satélite de alto rendimento. Em 2011 o ViaSat-1 e em 2012 o HughesNet's Jupiter elevaram consideravelmente a velocidade de conexão de 3 Mbit/s para 15 Mbit/s.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre telecomunicações é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.