Interpelação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A interpelação é o ato de interrogar um membro do Conselho de Ministros ou Gabinete por parte dos membros do poder legislativo (Assembleias ou Congressos) de cada país ou região acerca de um tema específico, com o fim de, eventualmente, fazer valer a sua responsabilidade política num determinado tema.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Yamamoto, Hironori, ed. (2007). «2.2.3 Interpellations». Tools for Parliamentary Oversight: A Comparative Study of 88 National Parliaments. [S.l.]: Inter-Parliamentary Union. pp. 59–61. ISBN 9789291423507