João de Lemos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
João de Lemos
Data de nascimento 1819
Local de nascimento Peso da Régua, Portugal
Nacionalidade Portugal Portuguesa
Data de morte 1890 (71 anos)
Local de morte Maiorca, Figueira da Foz
Ocupação jornalista, poeta e dramaturgo

João de Lemos Seixas Castelo Branco, (Peso da Régua, 18191890), foi um jornalista, poeta e dramaturgo português.

O «trovador» João de Lemos, como era conhecido desde o tempo de Coimbra, onde se formou em direito, pela publicação do jornal poético O Trovador, interessantíssimo repositório das produções poéticas dum grupo de moços estudantes. Além dele, alma e director dessa publicação, faziam parte do Trovador Luís da Costa Pereira, António Xavier Rodrigues Cordeiro, José Freire de Serpa, Augusto Lima e Couto Monteiro.[1]

Ultra romântico e estrénuo miguelista, adepto furibundo do Ancien-Regime e da Monarquia absoluta que sempre ansiou, com todo o ardor que ressuscita-se, nasceu muito prosaicamente no Peso da Régua, em 1819, às vésperas, portanto, da Revolução de 1820. Mas toda a sua vida dedicou-a ele ao seu ideal político, tendo usufruído de grande prestígio dentro da corte dos talassas da época[2] .

Colaborou em diversas outras publicações periódicas, de que são exemplo o jornal humorístico A Comédia Portuguesa[3] começado a publicar em 1888, a Revista Universal Lisbonense[4] (1841-1859) e a Revista Contemporânea de Portugal e Brasil [5] (1859-1865).

Obras poéticas[editar | editar código-fonte]

  • O funeral e a pomba: poema em 5 cantos
  • Cancioneiro (1858-1867)
    • I - Flores e Amores
    • II - Religião e Pátria
    • III - Impressões e Recordações
  • O livro de Elisa: fragmentos (1869) (eBook)
  • Canções da tarde (1875)
  • Serões de Aldeia (1876)
  • O tio Damião: poema lírico (1886)
  • O Monge Pintor (1889)

Teatro[editar | editar código-fonte]

  • Maria Pais Ribeira: drama em 4 actos
  • Um susto feliz: comédia

Compilação de artigos jornalísticos[editar | editar código-fonte]

  • Os Frades
  • Ele e Ela
  • A Inquisição de 1850


Referências

  1. REMÉDIOS, Joaquim Mendes dos. História da literatura portuguesa desde as origens até à actualidade. Lisboa: Lumen, 1921
  2. Antologia da poesia portuguesa, Volume II.
  3. Rita Correia (24 de Junho de 2011). Ficha histórica: A comedia portugueza : chronica semanal de costumes, casos, politica, artes e lettras (pdf) Hemeroteca Municipal de Lisboa. Visitado em 10 de Setembro de 2014.
  4. Revista universal lisbonense : jornal dos interesses physicos, moraes e litterarios por uma sociedade estudiosa (1841-1859) cópia digital, Hemeroteca Digital
  5. Pedro Mesquita (06 de dezembro de 2013). Ficha histórica:Revista Contemporânea de Portugal e Brasil (1859-1865) (pdf) Hemeroteca Municipal de Lisboa. Visitado em 13 de Abril de 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.