John Mayall & the Bluesbreakers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
John Mayall & the Bluesbreakers
Informação geral
Origem Londres, Inglaterra
Gênero(s) Blues-rock
Período em atividade 1963-presente
Gravadora(s) Decca, Deram
Página oficial johnmayall.com
Integrantes John Mayall
Rocky Athos
Jay Davenport
Greg Rzab
Ex-integrantes Eric Clapton
Jack Bruce
Peter Green
John McVie
Mick Fleetwood
Hughie Flint
Mick Taylor
Colin Allen
Don "Sugarcane" Harris (falecido)
Harvey Mandel
Larry Taylor
Aynsley Dunbar
Dick Heckstall-Smith (falecido)
Andy Fraser
Johnny Almond (falecido)
Jon Mark
Freddy Robinson (falecido)
Kal David
Walter Trout
Coco Montoya
Soko Richardson
Keef Hartley
Buddy Whittington
Joe Yuele
Hank Van Sickle
Tom Canning

John Mayall & the Bluesbreakers são uma banda pioneira do blues britânico, liderada pelo cantor, compositor e multi-instrumentalista John Mayall, OBE. Mayall usou o nome da banda entre 1963 e 1967, quando o largou por quinze anos. Entretanto, em 1982, um 'Return of the Bluesbreakers' ('Retorno dos Bluesbreakers') foi anunciado e o nome foi mantido desde então. O nome tornou-se genérico sem uma clara distinção entre as gravações que são creditadas apenas ao líder ou ao líder e à banda. Os Bluesbbreakers incluíram músicos como:

História[editar | editar código-fonte]

Os Bluesbreakers foram formados em janeiro de 1963 e se tiveram diferentes formações, com mais de cem diferentes combinações de músicos[1] .

Eric Clapton tocou na banda e 1965, apenas alguns meses depois de ter lançado seu primeiro álbum. Clapton trouxe as influências do blues para o primeiro plano do grupo.

A banda perdeu seu contrato de gravação com a Decca aquele ano, que também viu o lançamento de um single chamado "I'm Your Witchdoctor" (produzido por Jimmy Page), seguido pelo retorno à Decca em 1966. O álbum Blues Breakers with Eric Clapton (também conhecido como The Beano Album, porque Clapton é mostrado na foto de capa lendo uma cópia da revista) foi lançado no final daquele ano; ele alcançou o Top Ten no Reino Unido.

Clapton e Jack Bruce deixaram o grupo naquele ano para formarem o Cream. Clapton foi substituído por Peter Green no álbum A Hard Road; depois ele saiu para formar o Fleetwood Mac. Em 1969, o terceiro guitarrista da banda foi embora: Mick Taylor ia tocar nos Rolling Stones.

Com algumas interrupções, os Bluesbreakers continuaram a lançar alguns álbuns e fazer turnês, apesar de nunca terem alcançado a aclamação popular ou da crítica pelo seu material inicial. Em 2003, Eric Clapton, Mick Taylor e Chris Barber reuniram-se com a banda para o 70th Birthday Concert de John Mayall, em Liverpool — o show foi depois lançado em CD e DVD. Em 2004, a sua formação incluía Buddy Whittington, Joe Yuele, Hank Van Sickle e Tom Canning, e a banda fez turnês pelo Reino Unido com Mick Taylor como músico convidado.

Em novembro de 2008, Mayall anunciou no seu sítio que estava saindo dos Bluesbreakers para diminuir a sua carga de trabalho e se dar liberdade para trabalhar com outros músicos.

Johnny Almond, antigo membro da banda, morreu em 18 de novembro de 2009 de câncer, com sessenta e três anos.[2]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

  • 1965: John Mayall Plays John Mayall (Decca*)
  • 1966: Blues Breakers with Eric Clapton (Decca*)
  • 1967: A Hard Road (Decca*)
  • 1967: John Mayall's Bluesbreakers with Paul Butterfield (Decca EP 45)
  • 1967: Crusade (Decca*)
  • 1967: The Blues Alone (Ace of Clubs*)
  • 1968: Diary of a Band Volume 1 (Decca*)
  • 1968: Diary of a Band Volume 2 (Decca*)
  • 1968: Bare Wires (Decca*)
  • 1968: Blues from Laurel Canyon (Decca*)
  • 1969: Looking Back (Decca*)
  • 1969: Thru the Years (London)
  • 1969: Primal Solos (Decca)
  • 1969: The Turning Point (Polydor*)
  • 1970: Empty Rooms (Polydor*)
  • 1970: USA Union (Polydor*)
  • 1971: Back to the Roots (Polydor*)
  • 1971: Memories (Polydor*)
  • 1972: Jazz Blues Fusion (Polydor*)
  • 1973: Moving On (Polydor)
  • 1973: Ten Years Are Gone (Polydor)
  • 1974: The Latest Edition (Polydor)
  • 1975: New Year, New Band, New Company (ABC - One Way*)
  • 1975: Notice to Appear (ABC - One Way*)
  • 1976: Banquet in Blues (ABC - One Way*)
  • 1977: Lots of People (ABC - One Way*)
  • 1977: A Hard Core Package (ABC - One Way*)
  • 1978: The Last of the British Blues (ABC - One Way*)
  • 1979: The Bottom Line (DJM)
  • 1980: No More Interviews (DJM)
  • 1982: Road Show Blues (DJM*)
  • 1982: Return of the Bluesbreakers (Aim Australia)
  • 1985: Behind the Iron Curtain (GNP Crescendo*)
  • 1987: Chicago Line (Entente - Island*)
  • 1988: The Power of the Blues (Entente*)
  • 1988: Archives to Eighties (Polydor*)
  • 1990: A Sense of Place (Island*)
  • 1992: Cross Country Blues (One Way*)
  • 1994: The 1982 Reunion Concert (One Way*)
  • 1993: Wake Up Call (Silvertone*)
  • 1995: Spinning Coin (Silvertone*)
  • 1997: Blues for the Lost Days (Silvertone*)
  • 1999: Padlock on the Blues (Eagle*)
  • 1999: Rock the Blues Tonight (Indigo*)
  • 1999: Live at the Marquee 1969 (Eagle*)
  • 2000: Time Capsule (Private Stash) Limited release, website only, no longer in print
  • 2001: UK Tour 2K (Private Stash) Limited release, website only, no longer in print
  • 2001: Boogie Woogie Man (Private Stash*) Limited release, website only
  • 2001: Along for the Ride (Eagle/Red Ink*)
  • 2002: Stories (Eagle/Red Ink*)
  • 2003: No Days Off (Private Stash*) Limited release, website only
  • 2003: Rolling with the Blues (Shakedown UK*)
  • 2003: 70th Birthday Concert CD & DVD (Eagle*)
  • 2004: Cookin' Down Under DVD (Private Stash*) Limited release, website only
  • 2004: The Godfather of British Blues/Turning Point DVD (Eagle*)
  • 2004: The Turning Point Soundtrack (Eagle*)
  • 2005: Road Dogs (Eagle*)
  • 2007: Live at the BBC (Decca*)
  • 2007: In the Palace of the King (Eagle*)

DVDs[editar | editar código-fonte]

No sítio de John Mayall somente:

  • 2004: Cookin' Down Under DVD

Referências

  1. The Complete Rock Family Trees, Omnibus Press (Dec 1983, ISBN 978-0711904651) lista 109 diferentes formações
  2. Thedeadrockstarsclub.com - acessado November 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]